O prémio foi a nomeação


Fui recentemente nomeado com o Shifter para a categoria Internet dos Prémios Novos 2014, que procuram destacar os melhores talentos abaixo dos 35 anos. O evento aconteceu ontem, à noite, na Culturgest. Não ganhámos.

Melhor: não ganhámos a grande estatueta, mas já tinhamos ganho um prémio, a nomeação. Sim, para mim (e para a equipa) ganhar o prémio deixou de ser importante a partir do momento em que o meu nome em representação do do Shifter apareceu numa lista de 45 nomeados, distribuídos por 15 categorias, na qual estava o jovem sportinguista William Carvalho, o humorista multi-facetado Luís Franco-Bastos, o criativo Hugo Veiga ou a fadista Gisela João, por exemplo.

A nomeação significou reconhecimento e, acima de tudo, serviu para ver que temos muita gente a gostar do que temos estado a construir. Foi bom ouvir e ler e sentir e ver todas as mensagens de apoio, de força e de carinho que nos deixaram nos mais variadíssimos meios: num like do Facebook ou num abraço dias antes da cerimónia.

A nomeação serviu, no fundo, para percebemos que estamos não num bom caminho, mas sim no caminho certo. Queremos fazer mais ainda do que já fazemos, e fazer o que fazemos melhor.

Obrigado a todos. And keep up the hype.