Há algo de estranho nos Simpsons: são feitos de peças LEGO


Há já algum tempo se falava do episódio dos Simpsons em que todas as personagens seriam peças LEGO. A curiosidade por o ver era já alguma, mas aumentou exponencialmente mal o trailer saiu online. “É só comigo ou há algo esquisito hoje”, comenta o Bart à mesa, no início do episódio 550. “Tens razão, há algo diferente hoje nos Simpsons”, responde a Marge. “O teu pai está a usar uma gravata”, acrescenta.simpsons_bricklikeme_02

O episódio 550 dos Simpsons – inteligentemente intitulado Brick Like Me – foi escrito por Brian Kelley e Matt Selman, e comemora os 25 anos da série de animação. Springfield aparece transformada numa cidade LEGO. Mas há mais a desafiar a normalidade: Homer, que é por norma o homem sem qualidades, afastado da realidade e do bom senso, é agora o único iluminado que percebe que o Mundo não está igual ao que costumava ser.

No ar de 1989, uma das maiores dificuldades dos criadores dos Simpsons, dizem os próprios, tem sido encontrar novas formas de mostrar a mesma família. Usar peças de LEGO foi uma forma de reinventar a série num episódio, associando-a a um brinquedo de culto, que todos adoram.

O episódio está bem construído. Todavia, sente-se que 1 episódio foi pouco tempo para contar toda a história, que acabou por ficar apertada nos 20 minutos e, assim, soar a pouco, face a toda a expectativa criada.

Por outro lado, Brick Like Me tem alguns pormenores muito interessantes. O montar e desmontar personagens é um deles; num episódio normal, isso seria um dano permanente, mas com peças LEGO é possível.
simpsons_bricklikeme_03

Milhares de pessoas seguem o Shifter diariamente, apenas 50 apoiam o projecto directamente. Ajuda-nos a mudar esta estatística.