Com o ritmo actual, ‘Game of Thrones’ acabará primeiro na TV e depois nos livros


Comparando o ritmo de escrita de George R.R. Martin com a produção da série Game of Thrones a cargo de David Benioff e D.B. Weiss, a série chegará ao fim antes dos livros. A conclusão é de Walt Hickley, do site FiveThirtyEight.

Hickley comparou o ritmo com que os livros vão sendo publicados com as temporadas da série que vão saindo todos os anos. O resultado (gráfico em baixo) mostra uma possível ultrapassagem da série televisiva baseada nos livros de Martin.
fivethirtyeight_graficogot

A técnica utilizada foi bastante simples: Hickley fez uma média de número de caracteres escritos por dia (baseando-se no tempo médio de escrita das obras já publicadas) e comparou-a com o tempo estimado de estreia de cada uma das temporadas de Game of Thrones. A 5ª e a 6ª temporadas já estão confirmadas e tudo indica que existirá uma 7ª, estabelecendo a serie finale em 2017, bem antes de Martin acabar os seus livros.

Recorde-se que esta temática não é nova, tendo já motivado comentários por parte do escritor norte-americano. Numa entrevista à HBO (produtora da série) concedida em 2012, Martin já expressava alguma preocupação relativamente a este cenário:

“Tenho consciência de que a série da TV corre atrás de mim como uma locomotiva gigante, e sei que talvez tenha que acelerar, porque a locomotiva qualquer dia apanha-me.”

Naquela altura ainda tinha um avanço considerável e preconizava que os livros e a série acabariam juntas:

“Espero que acabemos a história ao mesmo tempo…”

Mas aparentemente, por este andar, as previsões de George Martin devem estar equivocadas. O autor planeou uma saga com sete livros, cinco dos quais já estão publicados. O primeiro livro saiu ainda no milénio passado, em 1996, e o último publicado (A Dance with Dragons) saiu em 2011. Segundo uma progressão geométrica feita pelo The Washington Post, o próximo livro, The Winds of Winter, sairá em 2017, e o último, A Dream of Spring, apenas em 2023.

Apenas Martin e os produtores saberão como resolver este berbicacho, com soluções que poderão ir desde uma progressão mais lenta da série até ao cenário estranho de a série, baseada nas ideias do autor transmitidas à produção, acabar antes dos livros.

Uma coisa é certa, a quarta temporada de Game of Thrones acabou no domingo e já estamos com saudades.

O Shifter é gratuito e sempre será. Mas, se gostas do que fazemos, podes dar aqui o teu contributo.