Do pequeno para o grande ecrã: filme do ‘Angry Birds’ com estreia prevista para 2016


Muitas caras da comédia norte-americana vão emprestar as vozes a porcos e pássaros furiosos na adaptação para o grande ecrã do viciante jogo Angry Birds, criado pela Rovio Entertainment. Foi ontem revelado o elenco e uma primeira imagem dos personagens do filme com estreia prevista para o dia 1 de Julho de 2016 nos Estados Unidos.

De entre o grandíloquo grupo de actores destacam-se os veteranos do Saturday Night Live (que iniciou a sua 40ª temporada no passado sábado) Jason Sudeikis, Bill Hader e Maya Rudolph, juntando-se-lhes ainda Kate McKinnon, que esteve este ano nomeada para um Emmy pela sua prestação nesse programa.

Mas o elenco promete apelar também aos fãs de outras conhecidas séries televisivas. Peter Dinklage (Game of Thrones), Keegan-Michael Key (Key & Peele), Jillian Bell (Workaholics), Tony Hale (Arrested Development), Danny McBride (Eastbound & Down) e Danielle Brooks (Orange is The New Black) encontram-se entre os actors que irão contar a história da mítica guerra entre porcos e pássaros. O cantor Romeo Santos, os comediantes de stand-up Hannibal Buress e Cristela Alonzo, e os actores Josh Gad e Ike Barinholtz contribuem ainda para enriquecer o elenco do filme que está a ser produzido pela finlandesa Rovio e pela companhia de animação Sony Pictures Imageworks.

Ainda não foram divulgadas informações específicas sobre o plot mas algumas personagens já encontraram a sua voz: do lado dos pássaros encontramos Sudeikis a liderar o grupo, interpretando o pássaro Red, Gad será o veloz Chuck, o explosivo Danny McBride dará apropriadamente vida ao pássaro Bomb, Dinklage interpretará o lendário Mighty Eagle e Matilda contará com a voz de Maya Rudolph; Bill Hader juntar-se-á ao pork side.

Orgulhoso do elenco que conseguiram reunir está John Cohen: “estas são algumas das pessoas mais engraçadas hoje em dia e estamos muito entusiasmados por tê-los a bordo”. Cohen é um dos produtores desta longa-metragem de animação e trabalhará em conjunto com David Maisel, que foi um dos produtores executivos de vários filmes dos estúdios da Marvel, como o Iron Man e o Thor, e que desempenhará a mesma função neste filme.

Sobre o novo aspecto dos mundialmente famosos pássaros a directora de Marketing da Rovio, Blanca Juti, contou meio a sério, meio a brincar: “Ouvimos dizer que membros e diálogo estavam em voga na animação moderna por isso entrámos com tudo. Não uma, mas todas as nossas personagens têm pernas e asas! Exceptuando os porcos, claro”.

O franchise Angry Birds pode aparentar não ter o mesmo hype que tinha em 2010, mas o videojogo continua a viciar as massas e a atrair legiões de fãs. No ano passado a Rovio lançou uma série de episódios animados, intitulada Angry Birds Toons, que obteve 3 mil milhões de visualizações nos primeiros 18 meses.

Com 2,5 mil milhões de jogadores em todo o mundo, Angry Birds é uma daquelas marcas com as quais os fãs se comprometem em larga escala. […] Os nossos cineastas estão a preparar um filme hilariante, e sabemos que os fãs mal podem esperar para ver como é que eles irão trazer a história dos Angry Birds à vida no ecrã das salas de cinema”, contou Dwight Caines, presidente de Marketing Teatral da Sony Pictures.

Tanto a Rovio como a Sony se têm mostrado muito satisfeitas com os resultados que esta parceria está a ter. O filme será a primeira experiência da companhia finlandesa com o grande ecrã e contará com a direcção de Fergal Reilly e de Clay Kaytis, que ganharam experiência no género de animação com filmes como Cloudy with a Chance of Meatballs e Frozen.