Snapchat sobre o Snappening: “os nossos servidores nunca foram comprometidos”


 
O Shifter precisa de dinheiro para sobreviver.
Se achas importante o que fazemos, contribui aqui.

Na última sexta, milhares de fotos de utilizadores do Snapchat foram leakadas na internet. O fenómeno – conhecido por Snappening – levantou uma nova onda de críticas e preocupações relativamente à segurança do serviço de partilha de conteúdo efêmero.

“Podemos confirmar que os servidores do Snapchat nunca foram comprometidos, e não são a fonte destas fugas. Os snapchatters foram vítimas do uso de apps terceiras para enviar e receber snaps, uma prática que proibimos expressamente nos nossos termos de serviço, precisamente porque compromete a segurança dos nossos utilizadores”, referiu o Snapchat em comunicado.

A empresa acrescentou que está constantemente a monitorizar a iOS App Store e a Google Play Store para remover novas apps terceiras que não cumpram os termos do serviço.

Se não conseguirmos aumentar o número de patronos, a 2ª edição da revista será a última, e o Shifter como o conheces terminará no final de Dezembro. O teu apoio é fundamental!