Google e Larry Page juntam-se ao combate ao ébola com doação de mais de 30 milhões de dólares


Depois de Mark Zuckerberg e do Facebook, Larry Page e a Google. Chegou a vez da gigante da Internet e do seu presidente executivo ajudarem no combate ao ébola.

A Google anunciou uma campanha de angariação de fundos que consistia em duplicar cada dólar doado. Chama-se Fight Ebola e tem uma página própria onde se anunciava que a Google oferecia 2 dólares por cada um doado, até um limite total de 7,5 milhões de dólares (limite que foi hoje atingido).

O montante angariado junta-se a mais 10 milhões de dólares que a empresa vai entregar a associações sem fins lucrativos que se dedicam ao combate ao vírus. O co-fundador da Google, Larry Page, associa-se também à maré de solidariedade e vai doar 15 milhões através de uma fundação privada.

Muito recentemente, também o fundador do Facebook doou dinheiro para a mesma causa. Mark Zuckerberg e a mulher Priscilla Chan entregaram 25 milhões de dólares ao Center for Disease Control Foundation. A rede social também criou um botão para facilitar donativos por parte dos utilizadores.

Milhares de pessoas seguem o Shifter diariamente, apenas 50 apoiam o projecto directamente. Ajuda-nos a mudar esta estatística.