Nvidia Tegra X1 é um super chip para os carros do futuro


Este artigo é gratuito como todos os artigos no Shifter.
Se consideras apoiar o nosso trabalho, contribui aqui.

Biliões de cálculos em cada segundo, este é o novo limite no que diz respeito à capacidade de processamento do novo chip Nvidia Tegra X1. Apresentado ontem no CES 2015, que está a acontecer em Las Vegas, o novo chip da Nvidia promete não só revolucionar a capacidade computacional dos dispositivos móveis, mas também a da industria automóvel.

Durante a apresentação, o CEO da Nvidia Jen-Hsun Huang mostrou claramente o interesse da empresa em centrar o desenvolvimento tecnológico do novo chip nos automóveis do futuro. Este novo chip – com capacidade para reproduzir videos em 4K e a 60 fps – conta com uma unidade de CPU com 256 núcleos de processamento e com uma unidade gráfica Maxwell. Huang diz que este novo “super chip móvel” tem performances superiores ao A8x da Apple.

nvidiategrax1

Para demonstrar o foco na industria automóvel a Nvidia desenvolveu 2 plataformas de computação automóvel. A Drive CX, montada em cima do Tegra X1, permite desenvolver vários interfaces compostos por ecrãs tácteis de alta resolução no interior do automóvel.

A Drive PX é alimentada por dois Tegra X1, que combinados conseguem valores como 2.3 teraflops de potência, e consegue processar 1,3 mil milhões de pixels por segundo provenientes de 12 câmaras de alta definição. Com esta tecnologia, a Nvidia acredita que o futuro dos automóveis passa por estes serem sef-aware. Hoje em dia os carros vêm apetrechados de sensores mas na óptica da Nvidia isso não chega.

nvidiategrax1_drivepx

Combinando a Drive PX e uma deep neural network computer vision (uma espécie de inteligência artificial com um sistema de reconhecimento visual), a Nvidia espera conseguir colocar os automóveis a desempenharem tarefas totalmente independentes da acção humana. Aliás, o novo sistema está desenhado para reconhecer passadeiras, peões, sinais de trânsito, etc.

Na demonstração feita em Las Vegas, um automóvel equipado com o Drive PX viu pela primeira vez uma garagem e estacionou o automóvel depois de ter feito um reconhecimento ao ambiente envolvente.

Investimos diariamente em artigos como este.
Precisamos do teu investimento para poder continuar.