O Facebook comprou uma startup de reconhecimento de voz. E deixou-nos curiosos


Este artigo é gratuito como todos os artigos no Shifter.
Se consideras apoiar o nosso trabalho, contribui aqui.

O Facebook comprou a Wit.ai, uma startup californiana, fundada há 18 meses, que se tem dedicado a tecnologia de reconhecimento de voz.

A Wit.ai desenvolveu um API que permite aos programadores desenvolverem interfaces de reconhecimento de voz – por exemplo, apps como a Siri ou o Google Voice. De acordo com dados da empresa, a sua tecnologia já foi usada por 6 mil programadores.

witai_reconhecimentovoz

Com a aquisição, a Wit.ai muda a estrutura para se juntar à equipa do Facebook nas instalações deste, em Palo Alto. O API que desenvolveu continuará aberta e acessível a terceiros de forma gratuita, como até aqui.

Do lado do Facebook não sabemos em que é que o conhecimento do Wit.ai poderá ser útil. Certo é que o negócio acontece numa altura em que as empresas tecnológicas estão a levar a internet para novos equipamentos, desde relógios a máquinas de lavar, e em que a voz é cada vez mais uma peça importante na comunicação entre humanos e máquinas.

Aqui podes experimentar a tecnologia da Wit.ai.

witai_democasa

Investimos diariamente em artigos como este.
Precisamos do teu investimento para poder continuar.