As lições do co-fundador do Reddit Steve Huffman


“Venho aqui contar-vos histórias”, disse Steve Huffman perante um auditório a abarrotar no Instituto Superior Técnico. Mas as histórias que Steve vinha contar (sem qualquer PowerPoint atrás de si) estavam disfarçadas de lições, não daquelas chatas, mas daquelas que são uma espécie de conselhos sábios de um empreendedor maduro. “O que funciona para mim pode não funcionar para vocês”, alertou de imediato. “Existem muitos caminhos para o sucesso e o importante é que estejam num deles.”

Steve Huffman encontrou o seu caminho em 2005, juntamente com o seu colega de quarto Alexis Ohanian. Foi nesse ano que os dois lançaram o Reddit, considerado hoje o maior fórum da Internet, que só no último mês arrecadou 7 mil milhões de pageviews. Em 2006, o Reddit foi comprado a Steve e a Alexis por uma empresa chamada Condé Nast Publications. Em 2009, Huffman abandonou o Reddit para abraçar uma nova área de negócio: a de viagens com a start-up Hipmunk, em conjunto com Adam Goldstein.

Mas já lá vamos.

 

1ª lição: “tens de pensar grande e de não colocar limitações artificiais naquilo que queres construir”

Mas Steve não encontrou logo o seu caminho. Em 2005, antes do Reddit e com os seus 21 anos, ainda na faculdade, quis criar com Alexis uma forma de encomendar comida através do telemóvel. “Isto foi antes do iPhone, das apps, e de os restaurantes terem internet”, esclareceu. A ideia era simples: um site no qual as pessoas pudessem escolher uma sanduíche e encomendá-la para um determinado destino. “Parecia uma boa ideia”, disse. E era mesmo.

Durante o processo de desenvolvimento do projecto, Steve e Alexis tiveram a oportunidade de jantar com Paul Graham, uma figura que que, na altura, estava a ganhar muito reconhecimento pelos seus artigos sobre start-ups. A conversa com Paul, que foi um dos primeiros contactos dos dois jovens universitários com o mundo profissional a sério, fez-lhes perceber que não estavam a pensar com a visão e a abrangência que lhes deve ser exigida. “Enquanto que o único problema que nós queríamos resolver era ter as nossas sandwiches 5 minutos mais rápido, ele via naquela ideia o fim das filas de espera em restaurantes”, contou Steve.

“Têm de pensar grande e de não colocar limitações artificiais naquilo que querem construir”, disse em jeito de lição ao auditório do IST. “Caso contrário, correm o risco de perder uma ideia que pode mudar o mundo.”

2ª lição: “agradecer sempre”

O projecto da empresa de encomenda de sandes por telemóvel acabou, mais tarde, por ser “chumbado” pelos júris do Y Combinator, uma aceleradora de start-ups, fundada pelo mesmo Paul Graham (mas onde ele não estava sozinho), que é hoje a maior aceleradora do mundo. Mas Steve olha hoje para essa negativa como um passo de aprendizagem. “A nossa ideia provavelmente nem ia a lado nenhum”, confessou.

Steve agradece o tempo que Paul gastou com eles. “Se não o tivesse feito, não teríamos aprendido com ele, não teríamos participado no Y Combinator e teríamos começado aquela empresa estúpida.” Steve diz que tudo o que aconteceu serviu para ele encontrar o seu caminho, o caminho certo. “É interessante pensar como pequenas decisões como aquelas podem afectar toda a tua vida”, acrescentou.

3ª lição: “ter medo de falhar pode ser um motivador”

Paul quis continuar a trabalhar com Steve e Alex. “Gostava de nós, só não gostava daquela ideia estúpida. E disse que queria trabalhar connosco num outro projecto.”

Steve e Alexis não tardaram a descobrir que outro projecto este seria: “um site que permitisse descobrir o que é novo, popular e interessante online”. “Eu não queria parecer estúpido. Queria impressionar o Paul e queria impressionar os meus pais. Basicamente não queria falhar. Não tinha quaisquer inspirações de construir um grande website ou uma grande empresa”, contou. “Ter medo de falhar é mau apenas se te impedir de fazer as coisas. Se te levar a fazer boas coisas, até ao sucesso, pode ser um excelente motivador.”

Essa foi a motivação de Steve para os primeiros meses do Reddit. “Fizemos um site, colocámo-lo online e ganhamos algum tráfego. A minha mentalidade era fazer algo que parecesse estar a funcionar.” E que também fosse funcional, mais que bonito: “Não importa como parece, desde que funcione. Queríamos que os utilizadores chegassem ao conteúdo da forma mais simples possível e preservar ao máximo o comportamento padrão de um browser.” Nos primeiros dias, o Reddit era mais ou menos fake. “Era eu e o Alexis a enchê-lo de conteúdo.” Os dois criavam contas falsas e submetiam links para o fórum, de forma a enchê-lo de conteúdo. Todos os dias, Steve tinha inúmeros links interessantes para submeter para o Reddit. “Ninguém quer fazer parte de uma cidade fantasma. Querem fazer parte de uma metropolis.” Steve disse que criaram cerca de 200 contas, que são “ou personagens de World of Warcraft ou peças de mobiliário, porque não éramos muito criativos”.

Mas houve um dia em que “percebemos que tínhamos algo real”. 15 de Agosto de 2005. “Neste dia, eu não tinha publicado nada no Reddit e, à noite, quando cheguei a casa, percebi que tínhamos a homepage cheia de links”, contou Steve. Na verdade, a estratégia de encher o Reddit inicialmente com muito conteúdo parece ter funcionado muito bem. Os utilizadores vinham atraídos pelo conteúdo submetido pelo Alexis e pelo Steve, que iam dando feedback a estes sobre o site. “Isto estava mesmo a funcionar, tínhamos mesmo uma comunidade real.”

“A nossa motivação mudou de não querer parecer estúpido para não querer estragar aquilo tudo”, contou Steve. “Queríamos que aquela coisa mágica durasse durante o maior tempo possível.”

4ª lição: “é muito importante teres um motivo, um objectivo”

“É importante saberes porque estás a fazer as coisas. Existem muitos caminhos para ser bem sucedido, tens de ter a certeza de que estás num. Pode não ser o certo, mas pelo menos tens de ter um motivo para estares nele”, explicou o co-criador do Reddit.

Mas Steve e os colegas não tinham um objectivo com o Reddit. Não havia um plano para tornar o site maior e rentabilizá-lo. Pelo contrário: “Não tínhamos uma big vision. Deveríamos estar a pensar como tornar este site 10 vezes maior, e estávamos apenas a pensar como tirar o máximo deste website antes de ele morrer.”

Na verdade, na Primavera de 2006, a equipa do Reddit tinha-se tornado disfuncional. “A mãe de Alexis tinha sido diagnosticada com cancro, pelo que a atenção do Alexis estava noutro sítio qualquer. Aaron tinha perdido interesse no site e Chris estava na faculdade a terminar o seu doutoramento, pelo que só colaborava connosco de noite. Ou seja, eu era praticamente o único engenheiro, a única pessoa a pensar no Reddit a tempo inteiro.”

Steve sabia que o Reddit não ia a lado nenhum só com ele, mas não queria matar o site. A solução era vendê-lo.

5ª lição: “se queres vender, tens de começar a fazer parcerias”

“Havia uma empresa que nos queria comprar, mas que não disse propriamente que nos queria comprar”, contou. “Disse que queria fazer uma parceria connosco. Mas é assim que muitas aquisições começam. Muitas aquisições começam como uma parceria de negócio. E se queres vender, tens de começar a fazer parcerias.”

O Reddit não ia tornar-se maior, a sua equipa já não estava junta a trabalhar. “Devemos vender. Alguém quer dar-nos dinheiro, devemos aceitar.” Em Outubro de 2006, o Reddit passou para as mãos da Condé Nast Publications, uma gigante dos media que tem hoje no seu portefólio nomes como Architectural Digest, Ars Technica, GQ, The New Yorker, Vogue e Wired. “Foi um bom sítio para o Reddit amadurecer”, reconheceu Steve. As negociações duraram cerca de 6 meses.

O jovem empreendedor não conseguiu dizer ao auditório do IST se se arrepende de ter vendido e deixado o Reddit. “É difícil dizer que me arrependo”, referiu. Por um lado, Steve tem a certeza de que, se soubesse o que sabe hoje, teria feito as coisas de forma diferente, traçando um plano e seguindo esse plano com o objectivo de fazer o Reddit crescer. Por outro, reconhece que foi uma decisão acertada da equipa, até porque “na altura, era a única opção” que tinham.

Steve não deixou o Reddit logo depois de este passar para a Condé Nast Publications. Só o fez em 2009 e, nesse ano, tirou algum tempo para descansar e, durante as férias, o seu amigo Adam Goldstein, que tinha acabado a faculdade, perguntou-lhe se estava interessado em trabalharem juntos. Adam queria fazer algo no ramo das viagens, mas não conseguiu de imediato convencer Steve. “Pensava que isto não ia resultar e que, três meses depois de termos montado tudo, estaria a trabalhar noutra coisa”, disse.

Mas o Hipmunk – a start-up que os dois montaram para facilitar a pesquisa de voos – avançou, captivou investidores, cresceu e ganhou a atenção da imprensa especializada. Mas não foi um caminho fácil. Steve e o amigo estavam a cometer dois dos erros do passado: não pensar grande e não ter um plano.

Steve usou o Hipmunk para dar à audiência incrivelmente atenta do IST mais duas lições:

6ª lição: “depois de fazeres um protótipo, deita-o fora e desenvolve o produto real”

A primeira delas foi dada em jeito de alerta: um alerta para o perigo dos protótipos. “Se queres construir um protótipo, constrói-o, mostra-o a todas as pessoas a quem queres mostrar o teu ponto e depois deita-o fora. Se queres fazer algo real, começa do início”, disse num tom assertivo.

De acordo com Steve, os protótipos servem para aprendermos como se fazem as coisas e não devemos construir toda uma empresa em torno deles, caso contrário corremos o risco de ela não resultar. O co-criador do Reddit diz que o produto final, aquele que vai servir de base à empresa, deve ser pensado e criado de raiz, a partir das lições aprendidas com o desenvolvimento de um ou de vários protótipos.

7ª lição: “contratar as pessoas certas”

A última das lições prende-se com as pessoas que fazem a empresas. “O Hipmunk não estava a correr muito bem, mas, felizmente, fizemos duas contratações críticas no mesmo mês”, revelou Steve. Contratações que definiram, nesse mês, o futuro da start-up, aumentando a sua produtividade e a sua qualidade.

“Se contratares pessoas incríveis que podem ter um impacto incrível no teu negócio, ele vai mudar num estalar de dedos”, rematou, dizendo que isso faz parte de ter um plano.
Estas são as lições de Steve Huffman. Lições que o co-criador do Reddit aprendeu ao longo da sua vida de empreendedor e que o ajudaram a crescer profissionalmente. Novamente: “O que funciona para mim pode não funcionar para vocês. Existem muitos caminhos para o sucesso e o importante é que estejam num deles.”