Chet Faker volta a Lisboa em Julho


Num passeio rápido pelas redes sociais percebemos que esta parece ser a notícia de que toda a gente estava à espera: Chet Faker regressa a Portugal em Julho. Depois da estreia no Lux em 2013 e de uma passagem memorável pelos palcos do NOS Alive em 2014, o australiano volta a Lisboa para um concerto único no Coliseu dos Recreios. As boas notícias vieram todas de uma vez, já se conhece a data do espectáculo, o preço dos bilhetes e o dia em que são postos à venda. Custam 26 euros e estarão disponíveis nos sítios do costume a partir deste sábado, 21 de fevereiro, para dois concertos a realizarem-se às 21 horas de 3 e 4 de Julho.

Se para uns será uma oportunidade para repetir experiências, outros vão poder ouvir ao vivo algumas das músicas do momento da cena soul electrónica. O projecto do cantor Nicholas Murphy sobe ao palco do Coliseu para revisitar o seu álbum de estreia Built on Glass. O álbum, editado no ano passado, pode não trazer grande novidade mas traz certamente alegrias para todos aqueles que gostam de alinhamentos repletos de sucessos. Aos singles “Talk is Cheap”, “1998” e “Gold”, o músico junta os temas de uma série de EPs, entre eles o aclamado Thinking in Textures. “I’m Into You”, “No Diggity”, “Love and Feeling” e “Cigarrettes and Chocolate” estarão também na lista de favoritos.

Quem viu o concerto do australiano na discoteca Lux em Junho de 2013, lembra-se de um Chet Faker tímido que não sabia ser tão conhecido em Portugal. Depois da euforia no Passeio Marítimo de Algés, o fenómeno foi confirmado e, por esta altura, não haverão expectativas difíceis de superar para Chet Faker.

Para um palco intimista como o do Coliseu, espera-se um espectáculo igualmente intimista. Dos fãs mais antigos aos conquistados pelas playlists repetitivas das rádios portuguesas, de quem gosta de Murphy pela voz quente a quem o prefere como DJ, dos que gostam da música aos que preferem a barba, com certeza não faltará público para garantir um concerto sem tempos mortos.

Update a 16/03/2015: esgotada a data 3 de Julho, a promotora Everything Is New, responsável pelo espectáculo, anunciou um segundo concerto no dia 4 de Julho.