Lisboa vai estar na edição mundial do 80º aniversário do Monopólio


A capital portuguesa foi uma das 22 cidades escolhidas por uma votação online para integrar a edição de aniversário do popular jogo de tabuleiro. Lisboa foi a quarta mais votada do mundo e ficará num dos “bairros” mais luxuosos.

O Monopólio faz hoje, quinta-feira, 80 anos e que melhor forma para comemorar haveria que com o anúncio das 22 cidades de 22 países diferentes que vão ter um lugar reservado na edição comemorativa, a ser lançada em Setembro.

Lisboa vai fazer parte do “Bairro Verde”, o segundo mais caro do novo tabuleiro, e será identificada pela Torre de Belém.

Eis a lista completa das 22 cidades, organizadas por bairros (por ordem crescente de valor: do mais caro para o mais barato):

  • Bairro azul-escuro: Lima (Peru), Hong Kong (China)
  • Bairro verde: Riga (Letónia), Lisboa (Portugal), Istambul (Turquia)
  • Bairro amarelo: Varsóvia (Polónia), Cidade do México (México), Santiago (Chile)
  • Bairro vermelho: Belfast (Irlanda), Atenas (Grécia), Belgrado (Sérvia)
  • Bairro laranja: Londres (Inglaterra), Moscovo (Rússia), Tóquio (Japão)
  • Bairro magenta: Nova Iorque (EUA), Amesterdão (Holanda), Sydney (Austrália)
  • Bairro azul-claro: Queenstown (Nova Zelândia), Cidade do Cabo (África do Sul), Taipei (Taiwan)
  • Bairro castanho: Giethoorn (Holanda), Madrid (Espanha)

Ao todo, a votação online reuniu mais de 4 milhões de votos, originados em 182 países. Decorreu nas últimas semanas, por iniciativa da Hasbro, a empresa que detém o jogo.

O tabuleiro comemorativo do 80º aniversário terá uma mecânica ligeiramente diferente da habitual. Os participantes são desafiados a viajar: têm de percorrer o maior número de destinos e de coleccionar selos de passaporte pelo caminho. Como não há viagem sem taxas, todos os jogadores ganham dinheiro com taxas de visitas sempre que os adversários aterrem nas suas propriedades. O vencedor é o primeiro a preencher o passaporte.

Esta edição do 80º aniversário do Monopólio vai chegar ao mercado em Setembro.

(foto: Flickr)