O Facebook gosta de fotos de bebés e quer ajudar os pais a organizá-las


Já lá vai o tempo em que a primeira coisa que se fazia quando nascia uma criança era registá-la. Agora, tudo o que é preciso é uma bela de uma foto para ir para o Facebook, ou, como muitos pais fazem, criar logo uma conta na rede social para que toda a sua família e os seus amigos possam acompanhar o crescimento do seu mais que tudo. Foi precisamente a pensar nisso que o Facebook criou uma solução que não viola os termos de uso.

O Scrapbook foi criado a pensar nos pais babados que não devem mas, por vezes, criam contas no Facebook a crianças com menos de 13 anos. Não, não vai funcionar como um perfil com restrições especiais, e a criança não vai ter acesso a ele enquanto não atingir a idade própria para isso. Mas agora, existe a possibilidade de ser criada uma tag com o nome, as iniciais ou qualquer outro registo para identificar a criança nas fotografias publicadas.

Todas as fotografias serão armazenadas num álbum próprio – o “Modern Day Baby Look”, como lhe chama o Facebook –, controlado pelo pai e pela mãe, e que pode ser seguido pelos familiares e amigos do casal.

Quando atingir os 13 anos e criar o seu próprio perfil, a criança poderá aí “tomar posse” das fotos e, assim, ficar com uma conta de Facebook muito mais biográfica.

fbscrapbook_01

fbscrapbook_02

“Comecei a ver amigos que eram pais a adicionar fotos dos seus miúdos e a identificar os seus companheiros. As fotos do meu filho são as fotos mais importantes que eu e a minha mulher vamos tirar, por isso achámos importante que começasse a haver controlo disso”, disse Dan Barak, do Facebook.

Esta é ainda uma funcionalidade que está em fase beta e apenas disponível em território norte-americano para desktop, iOS e Android.

fbscrapbook_bebe