Uber cria minisite com testemunhos de motoristas e utilizadores portugueses


 
O Shifter precisa de dinheiro para sobreviver.
Se achas importante o que fazemos, contribui aqui.

Na sequência da campanha #SomosTodosUBER, a empresa criou um minisite para mostrar o seu “amor” por Portugal. Em love.uber.com/portugal, podemos ler e ouvir testemunhos de motoristas portugueses, bem como de alguns utilizadores do serviço.

“A comunidade Uber é muito mais do que a sua equipa. Da comunidade da Uber fazem parte todos os utilizadores, que escolhem a Uber para viajar nas suas cidades, e os parceiros e motoristas, que diariamente põem as suas cidades em movimento. Da comunidade Uber fazem parte todos aqueles que querem ter direito de escolha e procuram qualidade, segurança e conveniência na altura de escolher o seu meio de transporte”, refere a empresa numa espécie de manifesto.

E continua: “Às pessoas, proporcionamos viagens seguras, económicas, fiáveis e convenientes, complementando as opções e infra-estruturas de transporte existentes. Aos motoristas, parceiros licenciados para o transporte de passageiros de acordo com a regulação em vigor, proporcionamos importantes oportunidades de crescimento económico e criação de emprego. Às cidades – Lisboa e Porto, em Portugal – proporcionamos benefícios importantes que vão desde a redução do congestionamento de tráfego, à redução da condução sob o efeito de álcool.

E conclui:A tecnologia está a revolucionar a forma como as pessoas se deslocam nas cidades. Estamos empenhados em contribuir para mais inovação em Portugal e ser capazes de proporcionar a melhor experiência de transporte possível.”

love.uber.com/portugal é um aglomerado de rostos que tornam possível a Uber em Portugal. Entre testemunhos em texto e pequenos vídeos, podemos conhecer a experiência de um conjunto vasto de utilizadores portugueses, de Lisboa e do Porto, e também de alguns motoristas, de UberX ou de UberBLACK.

O André, por exemplo, usa o Uber e refere que é ter “o mesmo serviço, com uma app apenas, em qualquer sítio para onde queira viajar”.

Já a Maria destaca que “em termos profissionais é sinónimo de rapidez, em termos familiares, como mãe, é sinónimo de segurança”.

O Pedro é motorista UberBLACK: “falaram-me de um conceito novo de mobilidade urbana, achei extremamente interessante e juntei-me à empresa assim que tive oportunidade”.

O Tomás, estudante e motorista UberX nos tempos livres, destaca a flexibilidade e não só: “gostei da Uber porque tem uma flexibilidade de horários boa, porque me permite conciliar os treinos de rugby, as aulas na faculdade e para além disso estamos sempre a conhecer pessoas novas”.

O Shifter precisa de cerca de 1600 euros em contribuições mensais recorrentes para assegurar o salário aos seus 2 editores. O teu apoio é fundamental!