Vem aí uma nova versão de ‘O Pátio das Cantigas’


Vem aí uma nova versão do clássico do cinema português O Pátio das Cantigas. No novo filme, realizado por Leonel Vieira, o Evaristo é interpretado não pelo António Silva, mas pelo Miguel Guilherme; e o César Mourão vai fazer de Narciso, a personagem de Vasco Santana. Já Dânia Neto vai entrar na personagem de Maria das Neves, a Dona Rosa.

O Pátio das Cantigas é um dos mais célebres e icónicos filmes portugueses e coube a Leonel Vieira, realizador de A Sombra dos Abutres ou Zona J, a tarefa de o adaptar ao quotidiano de hoje. As personagens vão ser as mesmas de 1942. A obra original foi comandada por Francisco Ribeiro e contou com o protagonismo de actores como Vasco Santana, Laura Alves, António Silva e Francisco Ribeiro.

O filme segue no filme original segue o quotidiano de uma série de personagens, preenchida por amores e rivalidades, num típico pátio lisboeta por altura das festas dos Santos Populares. Trata-se de uma comédia construída através de um fabuloso jogo de equívocos e duplos sentidos.

Miguel Guilherme, César Mourão, Dânia Neto, Cristóvão Campos, Sara Matos e Anabela Moreira são alguns dos nomes que integram o elenco da nova versão d’ O Pátio das Cantigas, que será a primeira de uma trilogia produzida pela Stopline e que se vai focar em refilmar clássicos da chamada “época de ouro” do cinema português.

O Pátio das Cantigas vai (re)estrear a 30 de Julho nos cinemas portugueses (será mesmo o cinema a melhor forma de distribuição?). Vai ser transmitido mais tarde pela RTP.