Conduzir o carro com o telemóvel? Não, não estamos a falar de videojogos


 
O Shifter precisa de dinheiro para sobreviver.
Se achas importante o que fazemos, contribui aqui.

No Reino Unidos, a fabricante Range Rover desenvolveu um protótipo de um sistema que permite controlar um carro, um Range Rover Sport, através do telemóvel. Não estamos a falar do básico trancar portas, mas sim de um outro nível: conduzir o carro.

Sim, com este protótipo, consegues conduzir um Range Rover Sport rodando o telemóvel para a esquerda ou para a direita, como se de um volante se tratasse. Precisas de estar a menos de 3 metros do carro para a conexão entre o mesmo e o telemóvel funcionar.

Esta tecnologia remota pode ser útil no momento de atravesse um terreno traiçoeiro, uma vez que não precisas de estar dentro do carro para o fazer andar. O sistema pode também ser interessante para estacionar o veículo em lugares de estacionamento apertados.

De notar ainda que, com o comando remoto, a velocidade do Range Rover Sport fica limitada a pouco mais de 6 km/h.

A Range Rover diz que pode introduzir eventualmente comandos de voz no sistema. Por agora, tudo isto não passa de um protótipo em fase quase embrionária. O objectivo é, acima de tudo, testar a ideia, pelo que não esperes ver a tecnologia tão cedo na estrada.

Ainda assim, é extraordinário ver para onde o futuro pode caminhar.

landroverremote_02

Se não conseguirmos aumentar o número de patronos, a 2ª edição da revista será a última, e o Shifter como o conheces terminará no final de Dezembro. O teu apoio é fundamental!