YouTube lança plataforma de gaming para fazer frente ao popular Twitch


 
Este artigo é gratuito como todos os artigos no Shifter.
Se consideras apoiar o nosso trabalho, contribui aqui.

A Google gosta de disparar em todas as direções e mais recente vítima do monopólio da gigante tecnológica pode ser o Twitch, uma plataforma dedicada aos gamers que atingiu no ano passado a marca dos 100 milhões de viewers a cada mês. O YouTube Gaming chega este Verão e promete ser um adversário à altura.

Depois de semanas de rumores, a Google anunciou finalmente o YouTube Gaming, uma app e um website completamente separado do YouTube “normal” para quem quer aprender um pouco mais sobre os principais jogos.

Tal como o Twitch, a plataforma conta com vídeos que vão desde gameplays até transmissões ao vivo, mas aqui surge uma novidade – ao contrário do Twitch, as transmissões podem ser em 60fps, havendo ainda a possibilidade de converter diretamente o vídeo para o YouTube.

ytgaming_02

ytgaming_03

Os conteúdos criados para o YouTube Gaming são na sua maioria de jogadores que pretendem partilhar as suas experiências, sendo que foram prometidos para já conteúdos para cerca de 25 mil jogos. A grande vantagem desta plataforma em relação ao Twitch está no facto de o Youtube ser já uma marca conhecida e que merece a confiança dos utilizadores.

A Google quis frisar de que este se trata de um serviço separado e que não está integrado propriamente no YouTube. Quando pesquisas por “Call”, por exemplo, vão aparecer-te opções da saga “Call of Duty” e não o videoclip “Call me Maybe”. Mas à semelhança do site de vídeos mais popular do mundo, é possível subscrever contas para receber alertas de novos conteúdos ou então seguir um determinado jogo.

O YouTube Gaming vai chegar neste Verão mas apenas para os Estados Unidos da América e o Reino Unido. Ainda não há previsão da sua expansão para outros países.

Investimos diariamente em artigos como este.
Precisamos do teu investimento para poder continuar.