Casey Neistat fez uma app para que deixemos de ser falsos na Internet


Casey Neistat, youtuber com mais de 800 mil subscritores, lançou a sua primeira app para iPhone, propondo uma nova forma de partilhar. Com o Beme, podes gravar momentos da tua vida em vídeo e publicá-los para os teus amigos como se de um Snapchat se tratasse, mas há uma pequena diferença: só consegues filmar se tapares o ecrã do telemóvel.

“As redes sociais devem ser uma versão digital do que somos enquanto pessoas”, explica Casey Neistat. Mas, no online, criamos uma versão “extremamente esculpida, calculada e calibrada” de nós próprios.

Porquê? Neistat explica que todas as existentes apps para partilhar fotos ou vídeos fazem com que tenhamos de colocar o telemóvel à frente da nossa cara. Isto faz com que, por um lado, passemos a ver o que está à nossa frente através de um ecrã; e, por outro, que nos moldemos para aparecermos bem na foto ou vídeo que estamos a fazer.

O Beme quer eliminar a imagem falsa que as pessoas transmitem através das redes sociais, forçando-as a capturar o momento sem olhar para o ecrã e sem interrompendo o momento.

beme_02

Para gravares um vídeo no Beme, tens de abrir a app e simplesmente encostar o iPhone ao peito ou a uma parede. O sensor de proximidade do telemóvel vai detectar que este está tapado, iniciando a filmagem: uma vibração e um beep avisam-te quando a gravação começou e quando ela terminou. O vídeo, que pode ter no máximo 4 segundos, é enviado automaticamente para os teus seguidores.

No Beme, encontras um feed dos vídeos das pessoas que segues. Podes reagir aos vídeos enviando uma selfie em tempo real, enquanto assistes aos mesmos. Ah, e os vídeos que recebes são efêmeros: só podes vê-los uma vez. Mais: nunca vês os vídeos que envias.

beme_03

Casey Neistat desenvolveu o Beme em conjunto com Matt Hackett, antigo vice-presidente de engenharia do Tumblr. A app está disponível para download gratuito na App Store; todavia, precisas de um convite para a usares.