Josh Greenberg, co-fundador do Grooveshark, encontrado morto aos 28 anos


 
O Shifter precisa de dinheiro para sobreviver.
Se achas importante o que fazemos, contribui aqui.

Josh Greenberg, co-fundador e actual CTO da polémica plataforma de streaming de música Grooveshark, recentemente fechada, foi encontrado morto, aos 28 anos, este domingo em sua casa. A polícia desconhece as causas do falecimento, mas não suspeita de drogas ou suicídio.

A notícia chega apenas alguns meses depois de o Grooveshark ter sido fechado, por decisão do tribunal, depois de uma disputa entre a empresa de streaming e os gigantes da música, nomeadamente a UMG, a Sony Music Entertainment e a Warner Music Group.

À imprensa, a mãe de Greenberg contou que o filho não tinha problemas de saúde e que estava entusiasmado com potenciais novos projectos, ou seja, não estava de todo em depressão por causa do fecho do Grooveshark.

Greenberg foi encontrado deitado na cama pela sua namorada, Abby, quando esta regressou de um fim-de-semana fora.

O Shifter precisa de cerca de 1600 euros em contribuições mensais recorrentes para assegurar o salário aos seus 2 editores. O teu apoio é fundamental!