Se não chegar para a Grécia, chega para salvar milhares de crianças


 
O Shifter precisa de dinheiro para sobreviver.
Se achas importante o que fazemos, contribui aqui.

Quando o britânico Thom Feeny decidiu lançar a campanha de crowdfunding para saldar a dívida grega, o objectivo era arrecadar 1,6 mil milhões de euros. Segundo o próprio, se um em cada três europeus doasse 10 euros, seria realmente possível resgatar o país da bancarrota.

No momento, já foram arrecadados aproximadamente 1 900 000 euros, por mais de 100 mil pessoas num espaço de 8 dias, o que não perfaz cerca de 1% do objectivo. Fenny disse inicialmente que se a ambiciosa meta de mais de 1.5 mil milhões de euros não fosse alcançada, o dinheiro seria integralmente devolvido aos donatários.

Tendo como primeira verdade que a dívida grega é deveras enorme, e que é difícil arrecadar tanto dinheiro num espaço de tempo tão reduzido, é bastante plausível que a quantia já embolsada acabe por ser devolvida. Como segunda verdade, temos que para além do problema da dívida grega, há muitas outras causas meritórias de atenção e às quais o dinheiro amealhado faria, obviamente, uma notória diferença.

Provavelmente, foi desta simples análise factual que irrompeu um novo movimento – ora, se não for possível angariar a quantia inicialmente prevista, o dinheiro economizado deverá ser utilizado para ajudar milhões de crianças.

Bailout For Children é o nome deste movimento, nascido em Portugal e com escala global, que “celebra a boa-vontade humana envolvida e quer garantir que toda a boa intenção não foi em vão – afinal, o dinheiro pode ser usado para salvar milhões de crianças em vez de ser reembolsado”, conforme é explicado em comunicado de imprensa.

Acima de tudo há que ressalvar que também conta, e muito, a boa vontade que moveu qualquer um dos donatários num primeiro instante, e que acabou por ser representada pelas próprias doações. A solidariedade permanece no gesto de cada um, quer o dinheiro permita o resgate grego ou a compra de milhões de doses de vacinas para proteger crianças em dificuldade e sem acessos básicos de saúde. É verdade: 1 milhão de euros ou mesmo 2 milhões de euros não são comparáveis em número com 1,6 mil milhões, mas podem, ainda assim, trazer uma mais-valia comum a tantos que precisam.

logo bailout

“Já se atingiu mais de 1 milhão de euros – o suficiente para mais de 6 milhões de doses de vacinas contra o polio, para mais de 14 milhões de sais de re-hidratação, ou para mais de 192 milhões de pastilhas de purificação de água, por exemplo. É fácil imaginar o impacto que 1 milhão pode ter”, explica o Bailout For Children.

A campanha de crowdfunding para ajudar a Grécia termina dentro de poucas horas. Por isso, o apelo está feito pelo Bailout For Children“Depende apenas da vontade e da partilha da mensagem por todos, para que esta chegue aos responsáveis do crowdfunding e os faça abraçar esta causa.”

Para ajudar neste movimento basta espalhar a mensagem partilhando o vídeo. Toda a informação está em bailoutforchildren.org.

Se não conseguirmos aumentar o número de patronos, a 2ª edição da revista será a última, e o Shifter como o conheces terminará no final de Dezembro. O teu apoio é fundamental!