A edição física do EP de Francis Dale é uma obra de arte


 
O Shifter precisa de dinheiro para sobreviver.
Se achas importante o que fazemos, contribui aqui.

O lançamento da edição física do EP de Francis Dale, Quadrado, o mais recente músico fetiche da redacção do Shifter, acontece já dia 15 de Agosto e era impossível não falarmos dele. Limitado a 50 unidades numeradas e assinadas, os discos foram concebidos, manual e individualmente, pelo artista plástico João Pedro Fonseca.

Falámos com o Francis Dale acerca do conceito deste packaging único e irrepetível e ouvimos falar da banalização do suporte: quando deixamos o CD para trás para sermos unicamente digitais, o CD pouco ou nada vale se não for uma peça por si só. E Francis Dale e João Pedro Fonseca quiseram transportar o CD para um novo lugar. Imaginário, sim, mas também físico.

francisdaleep_02

Acerca da limitação às 50 unidades, garante que não vale a pena massificar uma edição quando cada cópia pode ser única. Porque é esse o propósito desta edição. E porque uma peça pode ser desejada independentemente do seu propósito ou função. A música, ou melhor, o CD, fica congelado entre duas placas de acrílico, sendo acessível mesmo enquanto a peça é emoldurada.

De seguida mostramos o processo por trás desta edição e qual o resultado final deste EP, Quadrado, desde já disponível através do Facebook do Francis Dale.

João Pedro Fonseca foi o responsável pela criação deste processo e é um artista plástico que vive na cidade de Lisboa. Frequenta a Faculdade de Belas-Artes de Lisboa e tem desenvolvido trabalho enquanto artista plástico, mas também artista digital. Podes descobrir mais acerca do seu trabalho no seu site.

O Shifter precisa de cerca de 1600 euros em contribuições mensais recorrentes para assegurar o salário aos seus 2 editores. O teu apoio é fundamental!