Botão “dislike”? O Facebook está a trabalhar nisso


 
O Shifter precisa de dinheiro para sobreviver.
Se achas importante o que fazemos, contribui aqui.

No final do ano passado, numa sessão de perguntas e respostas, Mark Zuckerberg descartou qualquer possibilidade de existir um botão “dislike” no Facebook, mas que a sua equipa estava a pensar numa forma de os utilizadores fazerem “não gostar” a algo na rede social. Zuckerberg disse também que o “like” não satisfaz todas as necessidades emocionais humanas.

Esta terça-feira, numa nova sessão, o CEO do Facebook voltou a falar do botão “dislike” com uma novidade. “As pessoas pediram o botão dislike durante muitos anos. Hoje é um dia especial, porque hoje posso dizer que estamos a trabalhar nisso e a preparar o seu lançamento, anunciou.

Mark Zuckerberg mudou de ideias? Não. O executivo explicou que, no entanto, a rede social não quer criar um sistema semelhante ao do Reddit, em que conteúdo votado positivamente sobe no feed e conteúdo votado negativamente desce no feed.

Ao invés, os botões “like” e “dislike” servirão para exprimir os nossos sentimentos/reacções a posts. “O que os utilizadores querem mesmo é a possibilidade de expressar empatia, nem todos os momentos são bons momentos”, acrescentou. Na prática, o botão “dislike” deverá ter outro nome, como “sorry”, podendo ser usado em posts tristes, sobre um despedimento, uma separação/divórcio ou um falecimento.

Bem, na prática, uma espécie de botão “dislike” deverá chegar ao Facebook brevemente. Como exactamente? Não sabemos ainda, mas estamos curiosos.

O Shifter precisa de cerca de 1600 euros em contribuições mensais recorrentes para assegurar o salário aos seus 2 editores. O teu apoio é fundamental!