Este é o Gear S2, o primeiro relógio da Samsung que parece mesmo um relógio


gear s2 relógio da samsung

Depois de um pequeno teaser em meados de Agosto, a Samsung anunciou oficialmente o seu novo smartwatch. O Gear S2 é o sucessor do Gear S, lançado em 2014; traz o sistema operativo da marca, o Tizen, e divide-se em dois modelos: um básico e um clássico.

O surpreendente neste novo smartwatch da Samsung é o quão elegante ele é, quando comparado com as anteriores tentativas de a sul-coreana fazer um relógio. O ecrã circular no Gear S2 é o reconhecimento de que o formato rectangular não faz sentido neste tipo de equipamentos e a compatibilidade com praticamente qualquer telemóvel Android é um importante sinal de abertura por parte da Samsung.

Na verdade, apesar de o Gear S2 trazer Tizen, um sistema operativo desenvolvido pela Samsung para os seus wearables, ele é compatível com qualquer smartphone que corra Android 4.4 ou superior e que tenha pelo menos 1,5 GB de RAM. No entanto, a Samsung avisa nem todas as funcionalidades do relógio podem funcionar com equipamentos de outras fabricantes. O facto de o Gear S2 correr Tizen e não Android Wear, como a maioria dos smartwatches do mercado, significa mais trabalho para os programadores, que têm de criar apps para mais uma plataforma. De acordo com a marca, existirão mais de mil apps disponíveis no momento de lançamento do Gear S2; no entanto, vai ser difícil o Tizen competir em número de apps com os sistemas da Apple e da Google.

samsunggears2_05

A moldura rotativa do Gear S2 desempenha um papel importante no controlo da interface do Tizen. Rodamos a moldura para escolher a janela que queremos (relógio, menu, widgets…) ou para abrir apps, por exemplo. Este é, sem dúvida, um método inteligente para se interagir com um smartwatch (bem lembrado, Samsung). O ecrã do relógio é, na mesma, táctil.

O relógio tem um colorido e nítido ecrã de 1,2 polegadas (resolução de 360×360 pixels e densidade de 302 ppi). O processador é um dual-core de 1 Ghz, a memória RAM é de 512 MB, o armazenamento interno é de 4 GB e a bateria é de 250 mAh, durante 2/3 dias, segundo a fabricante. O equipamento suporta wi-fi, NFC (para Samsung Pay) e Bluetooth 4.1, para emparelhamento com o telemóvel e os auriculares. Há uma versão do Gear S2 com ligação 3G (e uma bateria maior), que pode ser usada de forma independente do telemóvel.

samsunggears2_09

O Gear S2 existe em dois modelos: um básico que vem acompanhada de uma bracelete de plástico; e uma clássica que traz uma bracelete em pele. A Samsung não adiantou valores para nenhuma das versões, mas disse que a partir de Novembro as mesmas serão comercializadas em Portugal. Os dois modelos têm 11,4 mm de espessura e 40 mm de diâmetro (a versão 3G é maior: 42 mm). Quanto a cores, o Gear S2 pode ser cinzento escuro ou prateado.

Em suma, o Gear S2 é provavelmente o relógio mais elegante que a Samsung nos mostrou, revelando-se como uma alternativa viável aos concorrentes equipamentos Android Wear, bem como ao Apple Watch (que corre watchOS). Ficamos a aguardar detalhes de preço.

samsunggears2_01

samsunggears2_02

samsunggears2_03

samsunggears2_04

samsunggears2_05

samsunggears2_06

samsunggears2_07

samsunggears2_08

samsunggears2_09