Diário da fronteira I


Diário da fronteira João Porfírio
 
O Shifter precisa de dinheiro para sobreviver.
Se achas importante o que fazemos, contribui aqui.

O João Porfírio é fotojornalista do Shifter e chegou esta sexta-feira à fronteira sul da Croácia. Durante os próximos dias, testemunhará e acompanhará o fluxo de refugiados que atravessa aquela zona com destino à Alemanha. O João vai ainda documentar a chegada da Aylan Kurdi Caravan, o movimento português que enviou para o local dois camiões TIR carregados com 40 toneladas de donativos comida, higiene, brinquedos e outros bens.

Cheguei a Zagreb pouco passava das 19h30 de sexta feira (hora local).

Fui ao hotel onde ficarei alojado nos próximos dias e pus-me na estrada para começar a trabalhar. Passei por diversos sítios antes onde era suposto estarem refugiados. O Hotel Purin, por exemplo, que na noite anterior estava completamente esgotado com refugiados que queriam escapar-se a dormir na rua, estava quando cheguei completamente vedado pela polícia local. Nenhum refugiado por perto.

Fui também aos armazéns centrais da ajuda da Cruz Vermelha, onde recolhi vários testemunhos de pessoas que conviveram directamente com refugiados e os ajudaram! Também aqui não vi refugiados.

Estava no armazém quando recebi uma chamada em que me diziam que haveria confrontos na fronteira com a Eslovénia, a sul, e fui para lá. Cheguei 40 minutos depois e era este o cenário: cerca de 300 refugiados a dormirem nas bermas da estrada, no parque infantil e tudo o que pudesse de servir de abrigo.

Acreditem ou não, não temos percepção de nada disto aí… Imaginem um armazém do tamanho de um campo de futebol cheio de colchões, cheio de pessoas a chorar e crianças agarradas a ti porque querem brincar com a tua máquina…

diariodefronteirai_02

diariodefronteirai_03

diariodefronteirai_04

diariodefronteirai_05

diariodefronteirai_06

diariodefronteirai_07

diariodefronteirai_08

diariodefronteirai_09

diariodefronteirai_10

diariodefronteirai_11

diariodefronteirai_12

diariodefronteirai_13

diariodefronteirai_14

diariodefronteirai_15

O Shifter precisa de cerca de 1600 euros em contribuições mensais recorrentes para assegurar o salário aos seus 2 editores. O teu apoio é fundamental!