Start-up inglesa Yieldify abre centro de engenharia no Porto e está a contratar


Start-up inglesa Yieldify abre centro de engenharia no Porto

A Yieldify, start-up londrina da área do e-commerce que recebeu recentemente investimento da Google, abriu um centro de tecnologia e desenvolvimento no Porto. Esta empresa dedica-se a criar ferramentas que permitam às marcas compreender o comportamento dos visitante aos seus sites de comércio electrónico e aumentar a taxa de conversão de visitas em vendas.

O novo escritório da Yieldify pretende contratar 40 engenheiros e designers até o final deste ano. A nova equipa vai focar-se em impulsionar a inovação no algoritmo de marketing preditivo usado pela Yieldify, bem como na análise avançada de dados sobre os comportamentos em sites de e-Commerce e nas estratégias de venda online. O escritório estará situado no Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto (UPTEC).

Portugal é o 5º país onde a Yieldify abre escritório em dois anos, estando já presente em Londres, Nova Iorque, Berlim e Sydney. “A inovação e a mudança são alguns dos valores da Yieldify e a cidade do Porto, que alberga um dos centros tecnológicos da Europa em mais rápido crescimento, incorpora estes valores”, refere Meelan Radia, co-fundador e CTO da Yieldify, em comunicado. “Estamos empolgados com o desenvolvimento de um centro de engenharia em Portugal para apoiar os nossos ambiciosos planos de crescimento e levar a nossa tecnologia para o próximo nível. A visão para o escritório do Porto é desenvolver um motor de inovação de produto, design e desenvolvimento para a empresa.”

O comércio eletrónico continua a ser uma das indústrias em maior crescimento a nível mundial, prevendo-se que o mercado de retalho atinja os 25 mil milhões de euros até 2018. A Yieldify permite que os comerciantes digitais se adaptem e prevejam a intenção dos visitantes em todos os dispositivos, fornecendo às marcas a velocidade e a agilidade para criarem campanhas personalizadas sem integrações complexas com outras plataformas.

“Estamos muito satisfeitos por receber no nosso campus o novo centro tecnológico da Yieldify”, afirma Clara Gonçalves, Diretora Executiva do UPTEC. “Portugal está a tornar-se rapidamente num centro de inovação tecnológica, tendo apresentado um crescimento de 30% nas exportações de conhecimento tecnológico nos últimos seis anos. O principal objectivo do UPTEC é acelerar a economia do conhecimento no país e na região, criando um cluster de talento tecnológico.”

Criada há apenas dois anos, em Londres, pelos irmãos empresários Jay e Meelan Radia, a empresa tem apresentado um crescimento extraordinário, com as receitas anuais a crescer em 480% desde Abril de 2014. A Yieldify possui actualmente mais de 135 colaboradores em todo o mundo e trabalha com mais de mil marcas em todo o mundo, incluindo a Marks and Spencer, L’Occitane, Kiehl’s, Monarch e Birchbox.

A Yieldify, a empresa SaaS (software como serviço) com maior crescimento em Londres, fechou recentemente um financiamento Série A de 11,5 milhões de dólares liderado pela Google Ventures e o SoftBank Capital. Isto constituiu o segundo investimento da Google Ventures no mercado europeu.

Foto: Moyse Hoyt