O império Condé Nast comprou a Pitchfork


Condé Nast
 
O Shifter precisa de dinheiro para sobreviver.
Se achas importante o que fazemos, contribui aqui.

A Pitchfork revelou hoje a todos os seus leitores que foi comprada pela Condé Nast. Numa notícia que consideram muito excitante, todos puderam ficar a saber que a revista online sobre música é agora parte do grupo que detém marcas como a Vogue, a Vanity Fair, a New Yorker e a GQ.

A Pitchfork celebra em Fevereiro o seu vigésimo aniversário e declara o dia de hoje como um dos momentos mais importantes na sua história. A revista que começou em 1996 tem aumentado o ângulo da sua cobertura, tendo criado diversas rúbricas, secções e um festival de música em Chicago e em Paris. O apoio da Condé Nast permitirá melhorar cada um destes produtos.

Garantem que a sua forte voz editorial se vai manter, assim como a integridade da revista, fundamental para a sua identidade.

 

O Shifter precisa de cerca de 1600 euros em contribuições mensais recorrentes para assegurar o salário aos seus 2 editores. O teu apoio é fundamental!