Agora é a sério: os Instant Articles estão por todo o Facebook


Instant Articles
 
O Shifter precisa de dinheiro para sobreviver.
Se achas importante o que fazemos, contribui aqui.

Depois de alguns meses de teste, o Facebook anunciou esta terça-feira o lançamento oficial dos Instant Articles, uma nova forma de consumir notícias e outro tipo de conteúdo editorial na rede social. Na prática, os são artigos que são alojados pelo próprio Facebook e que, assim, carregam mais rapidamente nos telemóveis dos utilizadores.

Em contrapartida, as publicações repartem as receitas com a empresa de Mark Zuckerberg.

Por outro lado, os Instant Articles permitem às publicações dar vida às histórias com novos formatos. Ou seja, com os Instant Articles, elas podem embrulhar os seus conteúdos de diferentes formas, embrulhando também o leitor no consumo dos mesmos. Este pode fazer zoom e explorar fotos de alta resolução, ver vídeos que arrancam automaticamente à medida que se faz scroll, e ainda explorar mapas interactivos, ouvir sons, e até fazer o habitual like ou comentário em partes específicas do artigo.

fbinstantarticlesiphone_02

A partir de hoje, se tens um iPhone, vais ver muitos Instant Articles na app do Facebook. Principalmente se consultas publicações como estas: Billboard, Business Insider, CNET, Complex, Elite Daily, Entertainment Weekly, Hollywood Reporter, Mashable, MoviePilot, Refinery 29, Rolling Stone, TIME, Uproxx, USA Today, Variety, The Verge…

O Washington Post, por exemplo, já veio dizer que todos os artigos que partilhar no Facebook serão Instant Articles.

fbinstantarticlesiphone_03

Os Instant Articles aparecem identificados no News Feed com o símbolo de um relâmpago. Porquê estes símbolo? O Facebook diz que os Instant Articles carregam 10 vezes mais rápido, em comparação com artigos abertos em navegadores web. Os Instant Articles é a proposta do Facebook para acelerar a web; a Google tem outra, a Apple também com a sua app News.

Para já, só os utilizadores de iPhone terão acesso aos Instant Articles. Entretanto, o Facebook vai começar a fazer os testes na plataforma Android.

(Nota: do ponto de vista formal, um Instant Article é um link, que, quando visto no iPhone – e em breve no Android –, aparece na forma de Instant Article. Se o vires no browser do teu computador, aparece-te como um link normal.)

O Shifter precisa de cerca de 1600 euros em contribuições mensais recorrentes para assegurar o salário aos seus 2 editores. O teu apoio é fundamental!