Uniplaces atrai gigante investimento de 22 milhões de euros


Nova ronda de investimento é a maior operação de Series A de uma startup portuguesa e será usada para tornar Uniplaces na marca global de maior confiança para estudantes universitários.

A Uniplaces, plataforma online para alojamento de estudantes universitários, acaba de anunciar a angariação de cerca de 22 milhões de euros (24 milhões de dólares) numa nova ronda de investimento Series A.

Este investimento é um passo importante no crescimento e evolução da startup portuguesa lançada em 2012 por três ex-colegas universitários, ajudando a transformá-la na marca global de maior confiança para estudantes em todo o mundo.

Esta nova ronda de investimento é liderada pela Atomico – fundo de investimento criado em 2006 por Niklas Zennstrom, co-fundador e CEO do Skype, que já apoiou mais de meia centena de empresas tecnológicas pelo mundo inteiro. Os outros grandes investidores da ronda são as portuguesas Caixa Capital e Shilling Capital Partners, tal como a internacional Octopus Ventures.

uniplaces22milhoes_02

Entre os business angels que apoiaram esta nova ronda destacam-se dois portugueses: Henrique de Castro (ex-COO da Yahoo) e António Murta, fundador do fundo Pathena. Estão também algumas das figuras mais proeminentes do empreendedorismo europeu: os fundadores do King.com, Sebastian Siemiatkowski (co-fundador e CEO da Klarna), Ilkka Paananen (Supercell), os fundadores da Trivago, Richard Chen, Siraj Khaliq (The Climate Corporation), e Jason Goodman (fundador e CEO da Albion).

Com este investimento, a Uniplaces irá continuar a investir no desenvolvimento do seu produto e na consolidação da sua presença nos mercados em que já opera, bem como na conquista de novos mercados. A startup portuguesa, que assegura assim a liderança enquanto plataforma online de alojamento para estudantes, apostará também no desenvolvimento de serviços secundários que possam enriquecer ainda mais a experiência dos estudantes.

A Uniplaces foi fundada em Lisboa, em 2012, por três ex-colegas universitários: Miguel Amaro, Ben Grech e Mariano Kostelec, que se conheceram enquanto estudavam em Inglaterra. O projeto nasceu das suas próprias dificuldades a encontrar alojamento.

uniplaces22milhoes_03

A startup, que começou por ser financiada pelos próprios fundadores, conta hoje com uma equipa de mais de 120 colaboradores, muitos deles com vasta experiência internacional, e está presente em 38 cidades europeias. Este ano, os fundadores foram premiados com o Young Guns Award como sendo dos jovens empreendedores que mais se destacaram na Europa.

Este financiamento seguiu-se a uma ronda inicial de 3,5 milhões de dólares, da Octopus Investments, em Outubro de 2014, colocando o investimento total na empresa, até agora, perto dos 30 milhões de dólares. Martin Reiter, ex-Responsável de Internacionalização do AirBnB, está também entre os investidores e atua igualmente como conselheiro de desenvolvimento internacional.

Em comunicado, Miguel Amaro refere que “o nosso objetivo tem sido transformar um processo extremamente difícil, antiquado e burocrático, num processo online simples, seguro e moderno. Começamos pelo alojamento, mas vamos mudar toda a experiência dos estudantes. Temos grandes planos para o futuro”.

“A simples ideia de uma plataforma de arrendamento para universitários foi a primeira empresa incubada na Startup Lisboa. Para quem teve de começar num prédio em obras e onde o espaço para evoluir não era ainda o melhor, 22 milhões de euros não são nada maus…”, escreveu a Startup Lisboa no seu Facebook.

Desde que foi lançada, a Uniplaces já registou mais de 30 mil quartos arrendados por estudantes de 140 nacionalidades, tendo já gerado, este ano, cerca de 10 milhões de euros em valores de contrato para os senhorios. O uniplaces.com oferece uma ampla variedade de soluções de arrendamento, desde casas, quartos e apartamentos, quer sejam de origem particular ou residências universitárias.