Nobel da Medicina vai falar em Lisboa


 
O Shifter precisa de dinheiro para sobreviver.
Se achas importante o que fazemos, contribui aqui.

Há histórias incríveis que nos fascinaram durante anos e ainda ocupam o nosso imaginário. Mas poucas serão tão fascinantes como a história da Vida em si e da sua perpetuação no nosso Planteta.

Dia 17 de Dezembro, na Faculdade de Medicina de Lisboa, terá lugar a primeira AIMS Nobel Lecture, cujo prelector convidado se encarregará de falar sobre os segredos por detrás da grandiosa história que é a vida e a evolução.

“Greatest discoveries come from passionate scientists with naive curiosity.” Assim acredita Craig Mello, cientista luso-descendente, laureado em 2006  com o prestigiante Prémio Nobel da Medicina e o primeiro convidado da AIMS Nobel Lecture.

craigmellofml_02

O Prémio Nobel atribuído em 2006 resulta do trabalho que levou à descoberta (em colaboração com o Dr. Andrew Fire) do RNA de interferência, um dos mais antigos mecanismos de regulação da expressão genética e que se encontra expresso quer em plantas como em animais. O seu estudo tem permitido compreender mais sobre as funções biológicas dos genes, estudar os processos por detrás de doenças e desenvolver novas terapêuticas.

Na conferência, o Prof. Craig Mello olhará para a Humanidade e para o seu lugar no Universo, tendo em conta que a vida surgiu há 4 biliões de anos, muito antes de qualquer ser humano pisar o Planeta Terra. Poderemos rever a grande história da evolução e perceber os mecanismos biológicos que permitiram, durante todos estes anos, que a vida se perpetuasse e que a informação genética que nos torna únicos passasse de uma geração para a outra.

A AIMS Nobel Lecture proferida pelo Professor Craig Mello encontra-se associada à 7.ª edição do Annual International Medical Students Meeting (AIMS Meeting), um dos maiores e mais conceituados encontros científicos para estudantes realizados em Portugal, sendo um projecto da Associação de Estudantes da Faculdade de Medicina de Lisboa.

A 7.ª edição do AIMS Meeting terá lugar nos dias 11, 12 e 13 de Março de 2016 e contará com a presença de mais de 700 estudantes nacionais e internacionais. Além de palestras, que abrangem áreas científicas e clínicas, com foco nas mais recentes e relevantes novidades em vários campos, os estudantes poderão ainda participar em workshops, competições de raciocínio clínico, apresentações de trabalhos de investigação originais, science speed dating e acções de voluntariado.

Se não conseguirmos aumentar o número de patronos, a 2ª edição da revista será a última, e o Shifter como o conheces terminará no final de Dezembro. O teu apoio é fundamental!