Cartaz do Vodafone Paredes de Coura 2016 deve começar a ser desvendado dia 25


 
O Shifter precisa de dinheiro para sobreviver.
Se achas importante o que fazemos, contribui aqui.

A 23ª edição do Vodafone Paredes de Coura foi histórica. Foi histórica porque esgotou – foi a primeira vez que aconteceu. Uma autêntica enchente que rumou ao festival minhoto para ver Tame Impala, TV On The Radio, The War On Drugs, Father John Misty, Banda do Mar, Lykke Li, Ratatat… e não só.

“Esgotar o festival era um sonho antigo. Esperamos 23 anos para o conseguir. É um momento de alegria mas também de alguma tristeza por não poder satisfazer tantos pedidos e de saber que tantos fãs do festival ficam este ano de fora. Lamento, lamento principalmente pelos fiéis”, escreveu João Carvalho, promotor do Vodafone Paredes de Coura, no seu perfil de Facebook.

Foram enchente de milhares e milhares de pessoas, entre veteranos que quiseram matar saudades do seu “habitat natural” e de caloiros que, deslumbrados com as fotos dos barcos no Taboão, do campismo na montanha e dos concertos num auditório verde, decidiram finalmente experimentar o festival minhoto.

A 24ª edição do Vodafone Paredes de Coura já tem datas, mas ainda não tem cartaz. Apesar de não existir confirmação oficial, o mesmo deve começar a ser desvendado dia 25 de Janeiro, dia em que, como anunciou a organização, os passes gerais aumentam para 90 euros.

Até lá (isto é, até dia 24), podes adquiri-lo nas lojas FNAC por 75 euros. Trata-se do Fã Pack FNAC Vodafone Paredes de Coura, que inclui, para além da entrada para o festival, uma t-shirt exclusiva.

Quanto a datas, o Vodafone Paredes de Coura regressa à praia fluvial do Taboão nos dias 17, 18, 19 e 20 de Agosto de 2016. Quanto ao cartaz, é esperar.

Foto: Nuno Diogo/Shifter

Se não conseguirmos aumentar o número de patronos, a 2ª edição da revista será a última, e o Shifter como o conheces terminará no final de Dezembro. O teu apoio é fundamental!