Mark Zuckerberg convida-te a ajudar os refugiados através de campanha de crowdfunding


 
O Shifter precisa de dinheiro para sobreviver.
Se achas importante o que fazemos, contribui aqui.

“A crise global de refugiados é a pior que o mundo enfrentou desde a Segunda Guerra Mundial quando milhões de pessoas foram forçadas a abandonar as suas casas.” Quem o diz é Mark Zuckerberg, que escreveu isso mesmo no seu perfil, convidando todos os seus seguidores a participar numa campanha de crowdfunding para ajudar os refugiados. Esta recolha acontece directamente no Facebook.

A campanha tem como meta angariar 25 mil dólares e vai decorrer durante as próximas 2 semanas. À data de escrita deste artigo, já foram angariados cerca de 7 mil dólares, de 230 contribuidores. A iniciativa é da International Rescue Committee, uma das poucas organizações não-governamentais que já tiveram acesso à nova plataforma de crowdfunding do Facebook.

fbcampanharefugiados_02

Podes fazer donativos de qualquer montante, sendo a transacção feita através do método de pagamento que tens associado à tua conta de Facebook.

A International Rescue Committee, juntamente com a Mercy Corps, outra organização não-governamental, vai usar o valor angariado para ajudar os refugiados com bens essenciais, como comida, água e cobertores; assegurar que eles têm um sítio seguro para ficar quando chegam ao seu destino; e ajudá-los a ter vidas saudáveis e produtivas.

 

“Quatro em cada cinco pessoas no Facebook estão conectadas a alguém directamente afectado pela crise de refugiados. Mais de 8 milhões de pessoas usam 35 mil grupos e páginas de Facebook para ajudar os refugiados à volta do mundo. E histórias e imagens da linha da frente da crise foram partilhadas milhões de vezes, mostrando a solidariedade transformada em acção”, comentou Mark Zuckerberg.

Se não conseguirmos aumentar o número de patronos, a 2ª edição da revista será a última, e o Shifter como o conheces terminará no final de Dezembro. O teu apoio é fundamental!