‘Montanha’ de João Salaviza vai representar Portugal em Hong Kong


Este artigo é gratuito como todos os artigos no Shifter.
Se consideras apoiar o nosso trabalho, contribui aqui.

A primeira longa-metragem de João Salaviza vai estar em exibição dias 6 e 8 de Março no Festival de Cinema da União Europeia que tem inicio já no próximo sábado em Hong Kong.

O realizador que em Novembro concedeu uma entrevista ao Shifter vai agora participar num festival que conta com a exibição de 17 filmes originários de países da União Europeia.

Montanha, que teve antestreia mundial no Festival de Cinema de Veneza e que chegou aos cinemas portugueses em Novembro, conta-nos a história de David, interpretado por David Mourato, um rapaz que vive nos subúrbios de Lisboa e a sua experiência durante os primeiros anos de rebeldia, de amores e desamores enquanto lida com um avô hospitalizado.

entrjoaosalaviza_01-1000x641

O filme acaba por seguir a lógica a que o realizador nos habituou nos seus trabalhos anteriores: a perda de inocência, a rebeldia e o exterior como em Arena, curta-metragem distinguida com Palma de Ouro em Cannes (2009) e Rafa, curta-metragem que ganhou um Urso de Ouro, em Berlim (2012).

O Festival da União Europeia encerrará a 11 de Março com a exibição de Goodnight Mommy, da Áustria. Em cartaz estarão ainda o candidato a Óscar de Melhor Filme Brooklyn (Irlanda), o grande candidato ao Óscar de Melhor Filme Estrangeiro Son of Saul (Hungria), Youth (Itália) de Paolo Sorrentino, 45 Years (Reino Unido) interpretado por Charlotte Rampling que está nomeada ao Óscar para Melhor Actriz, Halfway (Bélgica), Schmitke (República Checa), The Grump (Finlândia), The Anarchists (França), About a Girl (Alemanha), A Place Called Home (Grécia), Prince (Holanda), 11 Minutes (Polónia), Marshland (Espanha), Stockholm Stories (Suécia) e I am the Keeper (Suíça).

Investimos diariamente em artigos como este.
Precisamos do teu investimento para poder continuar.