Como é a nova imagem da RTP


Foi com a estreia da RTP3 no final de 2015 que a estação pública deu início à sua renovação gráfica. O recém-chegado canal trouxe separadores mais geométricos e coloridos; e um logo com uma aparência e uma fonte diferentes dos outros. A nova linguagem visual foi, dias depois, replicada na actualização da grelha da RTP Memória. Neste mês de Março, chegou à RTP1.

A RTP2, o segundo canal mais importante da RTP, receberá o upgrade visual, abandonando o actual logo, lançado em 2007, e os seus bonitos separadores, renovados no ano passado aquando da passagem do canal para o Centro de Produção do Norte. A RTP2 vai voltar, assim, a ter uma aparência idêntica à dos outros canais do grupo, mantendo-se como o canal cultural. A RTP1 continuará a ser o canal generalista/de entretenimento e a RTP3 permanecerá na informação/desporto.

Os restante canais da estação pública vão receber a nova imagem até ao Verão. Inclui-se nessa leva a RTP Açores, a RTP Madeira, a RTP África e a RTP Internacional. À semelhança da RTP1, RTP2 e RTP3, a versão principal dos logos destes canais também é constituída pelo símbolo da RTP e pelo respectivo nome, deixando de aparecer a sigla “RTP” como dantes. Já todos sabem o que é que o símbolo da estação pública (que foi ligeiramente simplificado) significa; não precisa de ter o nome “RTP” ao lado.

novaimagemrtp_02

novaimagemrtp_03

novaimagemrtp_04

novaimagemrtp_05

novaimagemrtp_06

novaimagemrtp_07

novaimagemrtp_08

novaimagemrtp_09

novaimagemrtp_10

Não se sabe se as estações de rádio do grupo RTP também vão beneficiar do novo tipo de letra dos logos dos canais de televisão (que é a Roboto, desenhada pela Google). A Antena3 foi a primeira das rádios a ter a sua grelha renovada. Não vai ser estranho se virmos a nova linguagem chegar não só à Antena3, mas também à Antena1, Antena2, RDP África, RDP Madeira, RDP África e RDP Internacional.