O “diário” perdido de J Dilla está finalmente disponível para escuta


O sexto álbum póstumo de J Dilla lançado a 15 de Abril, já se encontra disponível para download e streaming em inúmeras plataformas como Apple Music e SoundCloud.

Originalmente, o lançamento deste álbum deveria ter sido feito no ano de 2002 mas, não por culpa de Dilla mas por culpa das editoras, onde nesse mesmo ano assinou pela MCA Records. É a primeira vez que ouvimos J Dilla como rapper, introduzindo as suas performances vocais nas suas produções mas também de outros como os lendários Madlib e Pete Rock, Hi-Tek, Karrim Riggins e Bink!.

Mas não é só J Dilla a representar vocalmente nas faixas, pois neste projecto também integraram nomes como Snoop Dogg, Bilal, Boogie, Kenny Wray e numa das duas faixas bónus da versão do iTunes entra o rapper que lançou uns dos maiores clássicos de hip-hop, Nas. Podemos denotar as grandes presenças mas também a singularidade das faixas “Fuck The Police” (um clássico de 2001 e um dos maiores exitos do produtor), “Trucks” onde o rework da faixa “Cars” de Gary Numan ganha um novo sentido apesar de não podermos esquecer a qualidade imposta nos beats de Madlib e Pete Rock através de “The Shining, Pt. 2 (Ice)”, “The Sickness” pelo primeiro e “The Ex” por Pete respectivamente.

Seria este o College Dropout de J Dilla? Infelizmente, só poderá ser esta tremenda homenagem e a cedência a um dos seus últimos desejos enquanto produtor e a quem saberia, rapper.