Portugal The Man no Vodafone Paredes de Coura 2016


O cartaz do Vodafone Paredes de Coura não para de crescer. Portugal The Man é a nova confirmação, e que confirmação! A banda norte-americana era um dos nomes mais pedidos nos festivais portugueses.

Depois de um pequeno grande impulso da internet, a banda lançou o primeiro EP em 2005, antes de lançar o álbum de estreia Waiter: “You Vultures!”, no ano seguinte, e Church Mouth, em 2007. O terceiro trabalho, Censored Colors, financiado pelos próprios membros da banda na altura, ficou marcado pela riqueza de artistas convidados, incluindo trombonistas, trompetistas e violinistas. Em 2009, chega The Satanic Satanist, seguido rapidamente pelo som mais eletrónico de American Ghetto e por In the Mountain in the Cloud, o primeiro lançamento depois de assinados pela Atlantic Records.

Da construção de casas, no Alasca, com o pai, para a construção de uma dedicada base de fãs, John Gourley sempre foi dado a parcerias. Tendo isso em conta, na hora de começar a trabalhar no sétimo álbum, a ousadia e ambição do vocalista levaram-no até ao apartamento de Danger Mouse. Foi assim que o produtor, vencedor de cinco Grammy, e os Portugal The Man começaram a trabalhar naquele que seria o destemido re-despertar da banda. Foi preciso um ano para conseguirem abrandar e transformar todas as experiências de gravação com Danger Mouse em adrenalina; em palavras que são, simultaneamente, escuridão e luz; em sons capazes de sobrepor perigo e charme.

A banda de rock americana continua a celebrar o sucesso de Evil Friends, último disco, e chega agora ao Vodafone Paredes de Coura. Junta-se a LCD Soundsystem, Chvrches, The Tallest Man On Earth, Unknown Mortal Orchestra, Sleaford Mods, Sharon Jones & The Dap-Kings, The Bohicas, Ryley Walker, Cage The Elephant, Thee Oh Sees, Suuns, Kevin Morby, Cigarettes After Sex, Lust For Youth, Orelha Negra, King Gizzard & The Lizard Wizard, Joana Serrat e Filho da Mãe & Ricardo Martins.