O Huawei P9 está em Portugal para ser o telemóvel com melhor câmara do mercado


Há algum tempo que a Huawei deixou de dedicar tantos esforços em equipamentos de média gama para passar a “atacar” diretamente a Samsung e a Apple com os topo de gama. Uma vez mais, a empresa chinesa lança uma linha de produtos que vem colocar-se lado a lado dos produtos de luxo com o Huawei P9, um smartphone com duas lentes e que tem na fotografia o seu principal ex libris.

O lançamento oficial aconteceu nesta terça-feira no espaço XL, no LX Factory, e a apresentação ficou a cargo do Key Account da Huawei em Portugal, Rui Martins. O Huawei P9 é um equipamento com um ecrã de 5.2 polegadas (1920×1080), um processador de 64 bits octa-core e Android 6.0, para além de uma memória RAM de 3GB e ainda 32GB de armazenamento interno.

Várias foram as comparações diretas feitas ao iPhone 6S e ao Samsung Galaxy S7 Edge onde, claro, o P9 saiu em vantagem – espaço reduzido nas bordas, um maior aproveitamento da parte frontal do produto, espessura, tamanho da bateria (3000 mAh) ou saturação de dor do ecrã são alguns dos exemplos. Em termos de construção, este é o primeiro smartphone da indústria com acabamento em aço escovado.

Só por aqui, já podemos concluir que se trata de um equipamento que está fora do alcance de todo o tipo de carteiras, mas o principal ponto de interesse do P9 está na câmara fotográfica – ou melhor, nas câmaras, que ocuparam grande parte da apresentação.

Estamos então a falar de um equipamento com duas lentes traseiras que foram desenvolvidas pela icónica Leica. Com um tamanho de pixel maior (2.25um, em comparação aos 1.22um do iPhone 6S), o P9 é para utilizadores que querem fotografias de qualidade em situações de pouca ou muita luminosidade.

Isto é conseguido em parte graças aos sensores RGB e monocromático, bem como a um inédito processador de profundidade ISP que permite uma velocidade de fotografia 200% superior em relação aos principais concorrentes. Tirar fotografias em RAW é também uma realidade com o P9.

De resto, o novo “menino bonito” da Huawei conta com uma entrada USB Tipo-C, que oferece uma velocidade de carregamento 180% superior ao microUSB, um sensor biométrico na parte traseira que funciona também como “trackpad” e um sistema de smart wifi, que hierarquiza automaticamente os sinais wireless com base na sua qualidade de utilização. A Huawei apresentou também o P9 Plus e o P9 Lite, que de destinam a segmentos de mercado diferentes como os próprios nomes indicam.

O Huawei P9 vai estar à venda em Portugal nas cores titanium grey e mystic silver com preços a começar nos 549 euros, o que o torna bastante competitivo para um topo de gama. A Huawei frisou que quer ser “The New Thing”, e parece estar num com caminho para isso.

Huawei P9

Huawei P9

Huawei P9 Plus

Huawei P9 Plus

Huawei P9 Lite

Huawei P9 Lite