TNW Conference: esquece tudo o que sabes sobre uma conferência de tecnologia

Uma espécie de "SBSR" da tecnologia.

Quando em 2006, Boris e Patrick se juntaram para fazer uma conferência de tecnologia em Amesterdão, apontaram para 1000 participantes, mas conseguiram apenas 250. Aliás, a quatro semanas do evento só tinham vendido um bilhete. Dez anos depois, a TNW Conference continua a realizar-se em Amesterdão e, desde 2013, também em Nova Iorque. A edição europeia decorreu de 24 a 25 de Maio e recebeu 10 mil participantes em cada dia.

Boris e Patrick continuam a ser a cara da TNW Conference. Os seus apelidos não são fáceis de memorizar – Boris Veldhuijzen Van Zanten e Patrick De Laive –, pelo que que a maioria das pessoas conhece-os apenas pelo primeiro nome. Na TNW Conference, todos sabem quem são. Não são aqueles organizadores de eventos que andam sempre agarrados ao telemóvel e apressados de um lado para o outro, para garantir que tudo corre bem. Pelo contrário, misturam-se no meio dos participantes, sempre bem dispostos e sorridentes – isto quando não estão a entrevistar oradores ou a moderar debates num dos 5 palcos do evento.

historiatnwconf_02

A TNW Conference não é uma daquelas conferências de tecnologia chatas e maçudas, que começa às 8h e acaba às 20h. Parece um festival de Verão: recinto ao ar livre, cinco palcos (quatro deles cobertos), pulseira para entrar e sair, tendas de comida… O ambiente é todo muito descontraído, ajudado pela boa disposição da própria cidade de Amesterdão e pelo humor natural dos apresentadores de cada palco. “Vamos fazer uma pausa agora, são 4h20 e… eu não sei se isso é significante, mas vão lá para fora e desfrutem do facto de serem 4h20. Se sabem do que estou a falar, por favor não se atrasem”, disse a certa altura Pep Rosenfeld, co-fundador de um grupo de comédia de Amesterdão, o Boom Chicago, e o homem que conduziu as hostes no palco principal desta TNW Conference.

historiatnwconf_03

As iniciais “TNW” significam The Next Web, uma das publicações de referência sobre tecnologia. O site surgiu em 2008 – primeiro como um complemento à conferência homónima organizada desde 2006, mas depressa se tornou a porta principal da marca. O The Next Web tem sede em Amesterdão e repórteres em várias partes do globo. Em Setembro de 2015, o site estava a receber 10 milhões de visitantes e 12 milhões de pageviews por mês. Boris é o actual CEO do The Next Web e Martin Bryant o seu editor-chefe.

historiatnwconf_04

A TNW Conference é actualmente apenas uma das actividades do The Next Web. Por Amesterdão, passaram nomes de fazer inveja a qualquer organizador de conferências. Nomes conhecidos de qualquer empreendedor ou pessoa minimamente atenta à tecnologia e web: Casey Neistat, Gary Vaynerchuk, Peter Sunde ou Jeff Jarvis, só para nomear alguns. O programa complementou-se com empresas como o VSCO, a Google, o Giphy, o Reddit, o WeTransfer ou Basecamp, representadas pelos respectivos CEOs ou fundadores.

Nos dias 26 e 27 de Maio, pudemos ouvir ideias novas e boas lições, muito interessantes sobre uma panópila de temáticas. Adam Leibsohn, co-fundador e COO do Giphy, inaugurou a sala principal da TNW Conference para falar de GIFs e de como eles podem, segundo o próprio, redefinir a pesquisa na web.