A norte-americana 7-Eleven “já faz” entregas ao domicílio com drones


Não há dúvidas de que todas as empresas aguardam para que o futuro da entrega de encomendas seja feito através de drones. Gigantes como a Amazon e a Walmart têm dedicado horas e horas a trabalhar nesse sentido, embora a regulamentação seja ainda escassa e muito complicada de aplicar. Enquanto se espera para que esse dia chegue, a 7-Eleven deu mais um passo e mostrou que o futuro está já ali, ao virar da esquina.

A famosa cadeia de lojas de conveniência norte-americana fez neste mês aquela que foi a sua primeira entrega ao domicílio utilizando um drone totalmente autónomo. O equipamento utilizou o seu próprio sistema GPS para entregar uma sandes de frango, donuts, café, doces e um Slurpee, tudo sem que ninguém o estivesse a comandar.

A experiência aconteceu no passado dia 11 em Reno, Nevada, e foi conseguida em parceria com a startup de drones Flirtey. O destinatário da encomenda morava a menos de uma milha (cerca de 1600 metros) de distância da loja 7-Eleven seleccionada, um dos requisitos para todo o processo poder funcionar.

Aparentemente, tudo correu sem problemas, mas, como já dissemos em cima, esta está longe de ser a norma. A 7-Eleven referiu que vai continuar a trabalhar no desenvolvimento de entrega de encomendas por drones, mas não se arriscou a indicar nenhuma data até que todos os cidadãos possam beneficiar desta medida.