Facebook cede e passa a permitir partilha da icónica foto da Guerra do Vietname


Uma histórica e premiada foto da Guerra do Vietname foi removida pelo Facebook depois de partilhada pelo maior jornal norueguês. Apesar de não ser nova, a polémica em torno da censura da rede social instaurou-se com uma carta aberta do jornal a Mark Zuckerberg, líder do Facebook.

O fundador do Facebook não respondeu, mas já existe uma declaração oficial da empresa:

Depois de ouvir a nossa comunidade, olhámos novamente para como as nossas Regras de Comunidades foram aplicadas neste caso. Uma imagem de uma criança nua seria normalmente considerada uma violação das nossas Regras de Comunidade, e em alguns países podia inclusive ser qualificada como pornografia infantil. Neste caso, reconhecemos a importância histórica e global desta imagem ao documentar um momento particular no tempo. Por causa do seu estatuto de imagem icónica e de importância histórica, o valor de permitir a sua partilha supera o valor de proteger a comunidade pela sua remoção; por isso, decidimos permitir a publicação desta imagem no Facebook, de onde estamos conscientes que tinha sido até agora removida. Vamos ainda ajustar os nossos mecanismos de revisão para permitir a partilha da imagem no futuro. Vai demorar algum tempo a ajustar estes sistemas mas a foto deverá poder ser partilhada nos próximos dias. Estamos sempre disponíveis para melhorar as nossas políticas de forma a garantir que promovem a liberdade de expressão e simultaneamente mantém a nossa comunidade segura; e vamos falar com as publicações e outros membros da nossa comunidade global sobre estas questões importantes daqui para a frente.