Vídeo do Salão Erótico de Barcelona denuncia uma sociedade hipócrita


 
O Shifter precisa de dinheiro para sobreviver.
Se achas importante o que fazemos, contribui aqui.

Pode chamar-se Salão Erótico de Barcelona mas o vídeo promocional que lançou esta semana não tem nada a ver com erotismo. É, antes, uma mensagem forte e poderosa sobre a hipocrisia da sociedade espanhola. “Sou actriz porno e nasci num país onde as mesmas pessoas que me chamam puta se masturbam com os meus vídeos”, começa por dizer Amarna Miller.

Com cerca de um minuto e meio, a actriz de filmes pornográficos Amarna Miller fala das touradas, da corrupção, da banca, da religião, dos emigrantes, da prostituição e da homossexualidade, usando diversas comparações que expõem uma sociedade hipócrita.“Sim, vivemos num país asquerosamente hipócrita mas não nos apercebemos”, diz no fim do vídeo.

Da autoria da agência digital Vimema, o vídeo não poupou os temas mais controversos da Espanha de hoje. É uma denúncia social e moral que também aqui, em Portugal, dá que pensar.

O Shifter precisa de cerca de 1600 euros em contribuições mensais recorrentes para assegurar o salário aos seus 2 editores. O teu apoio é fundamental!