‘Westworld’: será este o próximo ‘Game of Thrones’?


Game of Thrones é um estrondoso sucesso. Desde que estreou em 2011, a série baseada nos livros de George R.R. Martin tem sido a “galinha de ovos-de-ouro” para a HBO. A 6ª temporada, que terminou antes do Verão, registou uma audiência semanal de 23,3 milhões de espectadores, segundo dados da Nielsen. É uma das séries mais vistas nos Estados Unidos e também globalmente.

Com Game of Thrones perto do fim (a 8ª e última temporada vai para o ar em 2018), a HBO precisa de encontrar o “próximo Game of Thrones“. Apesar de ainda ser cedo para comparações, a verdade é esta é a maior aposta da HBO para este ano e sua estreia em televisão vai acontecer no domingo nos EUA e simultaneamente em Portugal, através do canal TVSéries.

Westworld é baseada num filme de 1973 com o mesmo nome, realizado por Michael Crichton, sobre um parque temático futurista onde os visitantes podem ser quem sempre desejaram e ter as experiências que nunca confessaram. O nome desse parque é precisamente Westworld e foi criado pelo Dr. Robert Ford, personagem que na série será interpretado por Anthony Hopkins.

Todos os funcionários de Westworld são robôs dotados de inteligência artificial – dispostos a conceder aos seus visitantes as experiências com que sempre sonharam e capazes de colocar todo o tipo de questões sobre consciência, humanidade e centelha divina.

Mas o que podia ser um prazer secreto e inconfessável pode tornar-se numa espiral de violência, tortura e sangue quando as coisas, e os robôs, saem de controlo. Como se tudo o que até agora achávamos que era verdade e real não passasse de um artifício. Onde começa a vida? Quais são os limites da inteligência artificial? E pode essa inteligência ser acompanhada por sentimentos? Se pudéssemos mergulhar numa fantasia, em que pudéssemos ser tudo o que quiséssemos, será que gostaríamos de descobrir coisas sobre nós mesmos que preferíamos não saber?

westworldestreia_02

Com a assinatura de Jonathan Nolan e Lisa Joy, a primeira temporada da série tem 10 episódios. A estreia acontece no dia 2 de Outubro na HBO nos Estados Unidos e o canal TVSéries tem assegurada a estreia simultânea em território nacional: às 2 da manhã, de domingo para segunda. Além de Anthony Hopkins, o elenco incluí Ed Harris, Evan Rachel Wood, James Marsden e Rodrigo Santoro. O piloto foi realizado por J.J. Abrams e Bryan Burk, ao lado de Nolan.

“O ponto de partida que J.J. sugeriu, e no qual pegámos, foi esta ideia de virar o filme ao contrário. Em vez de chegarmos a um parque temático com um grupo de rapazes numa despedida de solteiro, a ideia foi começar pela perspectiva dos anfitriões”, contou Jonathan Nolan numa entrevista.

westworldestreia_03

Westworld traz para a televisão um assunto que está na ordem do dia: a inteligência artificial (IA). Do Facebook à Apple, praticamente todas as grandes tecnológicas estão a investir nesta tecnologia para tornar os seus produtos e serviços mais inteligentes. No fim do dia, o objectivo é que os utilizadores tenham de tomar menos decisões, uma vez que uma “máquina” (as aspas fazem sentido aqui porque é um conceito abstracto) pensa por elas, compreendendo-as e tomando decisões com base no seu histórico. Na prática, é o News Feed que apresenta as histórias que mais interessam a cada utilizador ou o iPhone que é capaz de automaticamente organizar as nossas fotos em álbuns temáticos.

“Acho que é um momento muito oportuno para explorar a inteligência artificial na ficção. Antes, e durante muito tempo, a ideia de IA foi um conceito nebuloso e distante. As pessoas e os contadores de histórias tendiam a tratar a ideia de que como um pesadelo apócrifo ou um conto exagerado. Agora a tecnologia existe. O surgimento de uma IA verdadeira é viável – está iminente, mesmo”, comentou Lisa Joy, que com Nolan criou, escreveu e produziu a série.