10 gifs que ilustram como trabalhar ao fim-de-semana é uma obra do diabo

Quando a segunda-feira não é o dia que mais tememos e os fins-de-semana não existem.

trabalhar ao fim-de-semana

Depois de uma longa semana de trabalho, o fim-de-semana está a chegar e aquela sensação satisfatória de dois dias de descanso volta. Das saídas com os amigos, aos copos, ao tempo para curar a ressaca, passando por um domingo delicioso entre ti, o comando para fazer zapping e a tua televisão.

Eu não tenho essa sensação. Porquê? Porque trabalho aos fins-de-semana e o dia que eu menos gosto não é a segunda-feira, mas sim o sábado. O sábado em que as redes sociais ficam inundadas de fotos numa esplanada, na praia, a passear o cão, de pessoas a dar provas de que ficam a dormir até às tantas e de que mesmo quando acordam ficam só a sentir-se inúteis num buraco negro da sociedade.

Porque quem trabalha quando os outros descansam sente falta desses momentos, reunimos 10 gifs para exprimir o que todos sentimos quando trabalhamos os fins-de-semana:

1 – Quando o despertador toca e tu só queres esquecer que é sábado e trabalhas

2 – Finalmente acordas…mas o sentimento não muda

3 – Boa! Chegaste a horas, a horas de todos os teus amigos te relembrarem de que é sábado e te perguntam se queres almoçar, jantar e sair

4 – Não existem sestas para curar a ressaca. Tens que a curar no teu posto de trabalho. Acreditem, não é nada bom

5 – Domingo: aquele dia em que em vez de estares a fazer nada, estás a olhar para fotografias de pessoas que não fazem nada

6 – Quando tens aquela folga

7 – Mas percebes que mais ninguém está de folga no mesmo dia que tu. Estás sozinho(a) no mundo, literalmente

8 – Numa nota mais positiva, trabalhar ao fim-de-semana não é o fim do mundo, só te obriga a chorar um bocadinho por dentro

9 – O que não te mata, torna-te mais forte

10 – Quando encontras alguém que sente a tua dor