Já há uma rede de scooters partilhadas em Lisboa

O eCooltra está disponível na capital portuguesa com uma tarifa de 0,24 euros/minuto.

Há duas formas de lidar com o trânsito de Lisboa: aguentá-lo ou encontrar alternativas de mobilidade. Felizmente existem na capital portuguesa cada vez mais opções para ir de A a B, incluindo transportes públicos, bicicleta ou aplicações estilo Uber e Cabify.

O eCooltra é a mais recente forma de mobilidade em Lisboa. Trata-se de uma rede de scooters eléctricas partilhadas, que está espalhada pela cidade e da qual podes usufruir, desde que tenhas uma carta de condução válida. O primeiro passo é descarregar a app e fazer o registo. Uma vez feitos estes passos, é só veres no mapa a scooter mais próxima de ti e fazer a reserva.

Uma vez que não existem estações fixas, podes pegar e largar a scooter em qualquer lado, por exemplo, à porta do teu destino (desde que ele esteja dentro da zona de operação do eCooltra, assinalada a azul no mapa). O preço a pagar é de 0,24 euros por minuto – uma tarifa fixa, sem surpresas, que inclui seguro. Todo os veículos têm combustível e manutenção assegurados e incluem, na bagageira, dois capacetes à disposição.

Além de Lisboa, o eCooltra está disponível noutras cidades europeias, nomeadamente Roma, Madrid e Barcelona. Aliás, foi na cidade do Gaudí que o serviço teve a sua estreia em Março do ano passado. A rede de scooters partilhadas da eCooltra é desenvolvida em parceria com o Centro de Excelência para a Inovação da Indústria Automóvel (CEiiA), de Matosinhos, que desenvolveu toda a componente técnica da plataforma, incluindo a comunicação entre a aplicação e as scooters e o sistema de desbloqueio dos veículos.

Podes começar a utilizar o eCooltra descarregando a aplicação para Android ou iOS. Se quiseres 30 minutos gratuitos na tua 1ª viagem, insere este código promocional: hnrvc.