Europa Sobre Rodas: a decisão #1

Saímos de Portugal dia 13 de Novembro, rumo à maior aventura das nossas vidas.

Somos um casal de namorados de Massamá, que tinha o sonho de fazer uma viagem de autocaravana de 10 meses pela Europa. Inicialmente não passava disso mesmo: um sonho, pois da ideia à prática ainda vai um longo caminho.

Começámos do 0, sem dinheiro mas com muita motivação. A ideia era juntar 20 000€, para a viagem e a autocaravana. Demorámos cerca de um ano e meio para juntar todo o dinheiro. Viver em casa dos nossos pais já foi uma grande ajuda, porque não tínhamos renda de casa para pagar.

Tivemos diversos trabalhos: desde entregar pizzas, entregar cromos nas escolas, ações de promoção, lojas de roupa, call center… Para juntarmos o dinheiro foi necessário trabalhar muitas semanas sem folgas, ter mais que um trabalho ao mesmo tempo e acumular horários. Tentámos poupar o máximo de dinheiro possível evitando gastá-lo em coisas supérfluas.

Conforme o tempo foi passando o sonho começou a parecer mais real. Começámos a ver autocaravanas quando já tínhamos quase todo o dinheiro necessário. A apenas alguns meses da partida prevista.  Vimos algumas autocaravanas, umas com problemas de humidade, outras de ferrugem… até vermos a nossa, que nos pareceu impecável por dentro e por fora. A nossa autocaravana tem 28 anos, o que representa um risco, mas ao fim de 14 000 quilómetros podemos dizer que fizemos sem dúvida a escolha certa.

Aos poucos as peças foram-se juntando, e começámos a preparar a viagem. Fizemos algumas reparações na nossa casa sobre rodas, um upgrade ao nosso material fotográfico e decidimos qual seria o plano geral da viagem, essencialmente onde íamos passar o Verão e o Inverno. Por fim, despedimo-nos dos nossos trabalhos e escolhemos o dia para começarmos a nossa aventura… 13 de Novembro de 2016.

Quando o dia chegou, parecia mentira. Passado um ano e meio de muito esforço e trabalho, ali estávamos nós, sentados, na nossa casa sobre rodas, prontos a partir para 10 meses de viagem pela Europa.

Dos mil e um sentimentos, o orgulho em nós próprios e no que tínhamos conseguido foi sem dúvida um dos principais. Conseguimos o impensável para muitas pessoas, num país como Portugal. Dois jovens, sem ajuda financeira dos pais, conseguirem tornar um sonho destes em realidade. Esta é uma das mensagens que gostávamos de passar, que é possível concretizar os nossos sonhos, temos é que os transformar em objetivos, acreditar e lutar por eles.

Nos primeiros dias foi tudo uma grande novidade, nenhum de nós tinha viajado antes numa autocaravana, e muito menos feito uma viagem deste género. Partirmos apenas com a estrada a nossa frente, rumo a 10 meses em aberto foi sem dúvida do melhor que já sentimos na vida.

O diário de viagem de Europa sobre Rodas volta com mais um capítulo desta aventura na próxima semana.