NASA diz que lua de Saturno tem condições para suportar vida

A par da Europa, lua de Júpiter, a Encélado, uma das luas de Saturno, é para os cientistas da NASA um lugar onde pode existir vida.

lua saturno
 

Em 2015, a sonda Cassini visitou de perto a Encélado, uma das luas de Saturno, permitindo a recolha de dados mais precisos sobre a composição da mesma, inclusive sobre a sua actividade hidrotermal e sobre o seu impacto na capacidade de o seu oceano acolher formas de vida simples.

Esta semana, a NASA anunciou uma descoberta feita na Encélado, resultado dessa missão: a sonda detectou moléculas de hidrogénio, que foram geradas por processos hidrotermais no oceano sob a superfície gelada. Este avanço pode indicar a existência de vida naquela lua de Saturno – não estamos a falar de seres verdes, mas sim de pequenos microrganismos.

Os investigadores atribuem esta fonte de hidrogénio, detectado em vapor de água na região polar sul, a reações hidrotermais entre rochas quentes e água no vasto oceano sob a superfície gelada da lua. As moléculas de hidrogénio, tal como as de dióxido de carbono, também encontradas em Encélado, são consideradas ingredientes importantes para um processo conhecido como metanogénese, uma reacção graças à qual seres vivos terrestres conseguem sobreviver em habitats submarinos com muita pressão onde a luz solar não chega.

A par da Europa, lua de Júpiter, a Encélado é para os cientistas da NASA um lugar onde a probabilidade de encontrar vida além da Terra é relativamente alta.

Em órbita de Saturno desde 2004, a Cassini irá entrar na atmosfera de Saturno a 15 de Setembro, de acordo com as previsões da NASA. Quando entrar na atmosfera, a sonda continuará a transmitir informação a partir de muitos dos seus instrumentos, nomeadamente sobre a composição da atmosfera, até à perda do seu sinal.

Gostaste do que leste? Quanto vale conteúdo como este?

Trabalhamos todos os dias para te trazer artigos, ensaios e opiniões, rigorosos, informativos e aprofundados; se gostas do que fazemos, apoia-nos com o teu contributo.