Mais uma fornada de filmes que estreia hoje

Dia de estreias nas salas de cinema, aqui damos algumas dicas de filmes que valem a pena.

 
O Shifter precisa de dinheiro para sobreviver.
Se achas importante o que fazemos, contribui aqui.

Mais uma semana e voltam a chegar novos filmes às salas de cinema nacionais. Aqui vão algumas menções a filmes que estreiam hoje e outros que já estão em cartaz e que devem ser vistos no grande ecrã.

Lost City of Z

Olhando primeiro para os filmes já em cartaz, temos um drama inspirado em factos verídicos. Lost City of Z é a história do explorador britânico Percy Fawcett, que se aventurou na selva amazónica em busca de uma cidade perdida. Depois de várias expedições, quando entrou em território desconhecido desapareceu sem deixar rasto.

Escrito e realizado por James Gray (We Own the Night), o elenco contra com Charlie Hunnam (Sons of Anachy, Pacific Rim), Robert Pattinson (Twilight, Cosmopolis), Sienna Miller (American Sniper, Foxcatcher) e Tom Holland (The Impossible).

Get Out

De Jordan Pelee (Keanu), chega-nos este filme de mistério e terror. Quando um afro-americano visita os pais caucasianos da sua namorada, o que no início parece ser nervosismo por receber o namorado da sua filha, rapidamente se torna num comportamento perturbador e psicótico.

Uma escolha improvável de Peele para o seu primeiro filme como realizador e argumentista, dado o seu passado como comediante de sucesso. Já falámos do filme antes, mas vale a pena relembrar esta película que tem angariado imensas críticas positivas e sucesso nas bilheteiras.

King Arthur

Do lado das estreias, encontramos o mais recente filme de Guy Ritchie (Snatch, Sherlock Holmes), que nos faz chegar uma reinterpretação da famosa história do Rei Artur e a sua espada Excalibur. Charlie Hunnam faz de Artur, um jovem que cresceu nas ruas, roubado do seu direito real por Jude Law (Closer, Cold Mountain), que encarna o papel do vilão Vortigern. Depois de ser o único a conseguir retirar a poderosa espada do rochedo, Artur vai ter de enfrentar os seus demónios e aceitar o seu legado, mesmo que não o queira.

Depois do insucesso de The Man from U.N.C.L.E., será agora que Guy Ritchie volta a mostrar as suas capacidades como contador de histórias?

My Life As A Zucchini

Uma produção franco-suíça de 2016, este filme de animação stop-motion conta a história de um rapazinho de 9 anos chamado Ícaro que depois de perder a mãe, é enviado para o orfanato. Aqui, vai partilhar momentos de luto e tristeza, ao mesmo tempo que cria novos laços de amizade com Simon e Camille, também órfãos.

A realização de My Life As A Zucchini ficou a cargo do realizador suíço Claude Barras, que conseguiu arrecadar uma nomeação nos Óscares para Melhor Filme de Animação.

Song To Song

O mais recente filme de Terrence Malik, cuja pós-produção durou cerca de três anos, conta a história de dois casais que se cruzam numa teia de obsessão e traição, tentando alcançar o sucesso no panorama musical de Austin, Texas.

Malik recrutou um elenco invejável que conta com Rooney Mara (The Girl With The Dragon Tattoo), Natalie Portman (Black Swan), Michael Fassbender (12 Years a Slave) e Ryan Gosling (La La Land).

Notório por realizar filmes com uma cinematografia incrível, espera-se um festim visual neste filme.

O Shifter precisa de cerca de 1600 euros em contribuições mensais recorrentes para assegurar o salário aos seus 2 editores. O teu apoio é fundamental!