“Rap Consciente” é o grito de revolta de Valete

"De volta ao rap de revolta pronto para qualquer embate. Não há empates de volta ao rap com tomates."

Valete Rap Consciente

Valete está de regresso ao estúdio. Através de uma carta aberta, acompanhada de um novo videoclipe, partilhado na sua página de Facebook, o MC explicou as razões do seu distanciamento nos últimos anos – resultado de alguns problemas pessoais, mas também de uma espécie de retiro com o objectivo de recolher mais informação. Valete fortaleceu a sua música, aprofundando alguns temas que sentia que tinha de abordar.

Pronto a destruir o “rap piroso”, “Rap Consciente” surge como o grito de revolta de Valete. Pronto para qualquer embate, este dinossauro volta com a mesmo fome de outrora, lançando o caos sobre o “hip hop pop” que se produz actualmente.

No vídeo, de cariz bastante realista e honesto, o MC  juntou uma autêntica tropa à sua causa. Sam the Kid, Maze, Sagaz, Phoenix RDC, Kappa Jotta, B Skilla, Nerve, Capicua, Landim, Francisco Rebelo e Paulo Furtado (Legendary Tigerman) são alguns dos ilustres que se alistam ao lado dos protagonistas desta faixa – Valete, Xeg, Fred Ferreira e Sergin, que pode ser o prenúncio de um novo álbum.

Xeg é desta lista o que tem o papel mais distinto, com direito a uma dedicatória sentida na fase introdutória do tema. A faixa conta a produção do espanhol Baghira, pré-produção de MC Marechal, pós-produção de Slow J, masterização por Chris Athens e voz de Sergin.

Boas Pessoal, já lá vão 11 anos sem álbum. Estou finalmente de volta ao estúdio e queria partilhar com vocês as…

Publicado por Valete em Sexta-feira, 2 de Junho de 2017

 

Para além da faixa que acompanhava a carta, o mestre Valete lançou uma outra em que homenageia algumas das suas referências, num ensaio sobre o Poder. Uma faixa, produzida pelo mesmo Baghira apoiado por Here’s Johny e com a colaboração de Dino de Santiago e NBC, onde viajamos por referências a iluminados como Copérnico a Tólstoi, Dostoievsky ou Platão.