Despacito ajuda à recuperação da economia de Porto Rico

"This is how we do it down in Puerto Rico" aumentou o interesse de turismo estrangeiro em 45%.

Já toda a gente conhece o êxito que é Despacito, a música interpretada por Luis Fonsi e Daddy Yankee que mereceu um remix de Justin Bieber. Mas a música teve mais consequências do que as esperadas. Desde que a canção começou a passar nas rádios a nível internacional, o interesse de turismo estrangeiro em Porto Rico aumento em 45%.

Os dados são da Infobae e foram citados pelo jornal El Nuevo Dia de Porto Rico. Aliás, “Porto Rico tem sido um destino de férias há muito tempo, mas continua bastante desconhecido”, explicou a responsável pela América Latina do site Hoteles.com. “A cultura popular influencia fortemente as decisões de viagem e, como Porto Rico é a naturalidade dos cantores Luis Fonsi e Daddy Yankee, além da atenção desta música que é um êxito, há um estímulo para as pessoas visitarem este grande destino, explicou.

Houve até um serviço de turismo que confirmou o poder do reggaeton por ter incorporado em roteiros turísticos os locais de gravação do vídeoclipe de Despacito. O bar Club La Factoría até entrou numa lista britânica de 50 Best Bars e também está no vídeo da música, como explicou um responsável da agência de viagens Cocha:

“No vídeo está a Placita La Perla, com o barbeiro e a população a jogar dominó. Também aparece o Paseo Marino Canto de Gansos e casas muito coloridas. Tudo isto estava fora do itinerário, até à canção de Fonsi“.

Além do vídeo, a frase “This is how we do it down in Puerto Rico” é outro fator que pode ter contribuído para o aumento de popularidade do território, lembra a Billboard.

Luis Fonsi reagiu à notícia, agradecendo a Yankee e ao produtor do vídeo. “Que felicidade poder ler isto em comunicação social internacional. Porto Rico é o verdadeiro protagonista da canção e do vídeo. Sempre foi a minha grande inspiração”, explicou o cantor, no Instagram.

Em maio, Porto Rico decretou a maior falência pública da história dos Estados Unidos da América. A dívida pública é estimada em mais de 70 mil milhões de dólares americanos. Há 45% da população a viver em pobreza (mais do triplo percentual dos Estados Unidos) e há muita migração para os Estados Unidos da América, devido ao passaporte americano, noticiou a BBC.