Europa Sobre Rodas: 3 dias em Zakynthos, Grécia #14

A experiência numa ilha grega.

Zakynthos, Grécia
 
O Shifter precisa de dinheiro para sobreviver.
Se achas importante o que fazemos, contribui aqui.

Desde que saímos de Massamá, que um dos nossos objectivos também era visitar uma ilha grega. Após alguma pesquisa em relação aos preços dos ferries, o que ver e o que fazer, optámos por Zakynthos.

Foi a primeira vez que deixámos a nossa casinha sobre rodas sozinha, durante 3 dias, 2 noites. O preço do ferrie custou-nos 25 euros, e com a autocaravana seria 120 euros. O ferrie apanha-se em Kyllini e pode-se comprar lá os bilhetes sem aumento de custo.

A ilha surpreendeu-nos pela positiva. Assim que chegámos fomos procurar um local de arrendamentos, para tentarmos alugar uma mota para nos deslocarmos pela ilha, e assim foi, alugámos uma mota dois dias por 30 euros. É sem dúvida uma mais valia termos o nosso meio de transporte, para não estarmos dependentes de autocarros, ou limitados nos sítios onde ir.

Como comprámos os bilhetes de um dia para o outro e decidimos que não íamos levar a auto-caravana, vimos um apartamento na Booking, que estava com desconto e tinha uma pontuação muito boa, chama-se “Blue Lake” e fica na zona de Keri. Custou-nos 35 euros, duas noites.

Depois de termos alugado a mota, viajámos de Zakynthos até Keri, que são 20 quilómetros. Tivemos muita sorte com nosso apartamento, na relação preço-qualidade. Era muito agradável, as pessoas simpáticas, tinha varanda, uma cozinha e casa-de-banho, não podíamos pedir mais.

Perto da ilha de Caretta é possível ver tartarugas marinhas no seu habitat natural. Existem empresas com pequenos barcos que fazem excursões pela zona, com o objectivo de ver tartarugas, e explorar as grutas e as falésias junto da costa. As tartarugas apenas podem ser vistas quando vêm respirar ao cimo do mar, ou por vezes vêem-se a nadar no fundo. O tempo não é muito para não serem incomodadas com os barcos. O tempo da excursão foram 3 horas e custou 10 euros por pessoa, o que valeu a pena.

Como nunca tínhamos tido a experiência de conduzir um barco, alugámos um a motor, 2:30h e foi 50 euros. Adorámos a experiência, andar a velejar nas águas cristalinas e poder ver a ilha de Caretta e a zona da costa.

A ilha também tem uma vida nocturna bastante agitada, por isso acaba por agradar a diversas faixas etárias. A zona onde estivemos é muito bonita, tranquila e relaxante, com uma praia bem perto, sem muitas pessoas e com um tom azul da água muito claro.

Para terminar, vimos uma das paisagens mais bonitas que já vimos na vida. Uma vista sob a praia de Navagio que é envolvida por falésias. Tem um tom de azul único no mar e um barco naufragado na areia. Também é possível ir até à praia de barco, perguntámos o preço e é 10 euros por pessoa.

Vimos tartarugas no seu habitat natural, conduzimos um barco e vimos paisagens muito bonitas. Foram três dias muito completos, com momentos incríveis e experiências únicas.

O Shifter precisa de cerca de 1600 euros em contribuições mensais recorrentes para assegurar o salário aos seus 2 editores. O teu apoio é fundamental!