Station: o browser da produtividade

Todas as tuas aplicações de trabalho numa só janela. Sem distracções. Disponível para Windows e macOS.

Num contexto puramente económico, produtividade é a “relação entre o que é produzido e os meios aplicados na produção”. Num contexto mais quotidiano, produtividade é aquilo que nos faz sentir bem – é aquela percepção muito querida de que somos eficientes na realização de determinada tarefa e que fazemo-la sem nos massacrarmos.

No Station, podes ter só os sites e aplicações web que utilizas durante o trabalho. Uma janela com tudo aquilo que precisas e que não te deixa ir a mais lado nenhum, muito menos aqueles sites que são meros consumidores da tua atenção (cof cof redes sociais).

O Station tem dezenas de integrações que podes trazer para a aplicação – desde o Slack ou o WhatsApp para falares com a tua equipa, ao Facebook Business Manager para gerires a tua página de Facebook, ou até mesmo o Feedly ou o Medium para leres bons artigos. Podes adicionar os serviços de que precisas, incluindo mais que uma conta por serviço. Estão disponíveis mais de 200.

A navegação no Station faz-se com uma barra do lado esquerdo. Quando inicias a aplicação, apenas as contas de e-mail e o Slack são carregados imediatamente – todos os restantes separadores só carregam quando clicas para usá-los; desta forma, é poupada a RAM do teu computador. Caso queiras estar concentrado no teu trabalho e não receber notificações, podes activar o “Focus mode” durante um período entre 20 minutos e 24 horas.

O Station está disponível para Windows e macOS. Está a ser desenvolvida uma versão Linux. Podes descarregá-lo aqui. É totalmente gratuito.