No Euro temos o cêntimo, na Bitcoin o satoshi

Enquanto 1 Euro contempla 3 casas decimais possíveis, a Bitcoin (BTC) contempla 8.

É senso comum sabermos que cada 1 Euro, isto é, a unidade básica da moeda Euro, se pode subdividir em 100 cêntimos – conhecemos a maioria das frações e habituámo-nos a lidar com aquelas que o banco central decidiu materializar em moedas físicas (1, 2, 5, 10, 20, 50). Cêntimos é como chamamos ao resultado da divisão dos euros, nome cuja lógica facilmente percebemos.

O caso muda de figura e torna-se bastante mais interessante quando falamos de moedas digitais, com um potencial de divisão maior, como é exemplo da Bitcoin. É que enquanto 1 Euro contempla 3 casas decimais possíveis, a Bitcoin (BTC) contempla 8, requerendo uma nomenclatura ainda mais completa.

Foi dessa necessidade que derviou um novo léxico composto por 4 palavras: milibitcoin (mBTC), microbitcoin (µBTC) e a mais curiosa, satoshi. Os dois primeiros títulos auto-explicativos não deixam grandes dúvidas, 1 mBTC são 0,001 BTC e 1 µBTC equivale a 0,000001 BTC, já satoshi foge à regra e exige explicação.

Satoshi é o nome consensualmente aceite para a unidade mais pequena possível de bitcoins, ou seja, 0,00000001 BTC. O nome deriva, como por esta altura já deves estar a par do famoso e misterioso criador desta tecnologia, Satoshi Nakamoto.

Satoshis Bitcoins
1 satoshi 0,00000001 BTC
10 satoshis 0,00000010 BTC
100 satoshis 0,00000100 BTC
1 000 satoshis 0,00001000 BTC
10 000 satoshis 0,00010000 BTC
100 000 satoshis 0,00100000 BTC
1 000 000 satoshis 0,01000000 BTC
10 000 000 satoshis 0,10000000 BTC
100 000 000 satoshis 1,00000000 BTC